Chás emagrecedores

É comum, hoje em dia, encontrar artigos de reportagens que falem, ou lojas que vendam, os famosos chás emagrececedores.

Mas será que estes auxiliam efetivamente na perda de peso?

Pois bem, ao longo dos anos descobriu-se uma variedade de ervas que, comprovadas cientificamente, sejam desintoxidantes, digestivas, diuréticas ou até mesmo calmantes. E são estas as famosas produtoras dos chás emagrecedores.

É evidente que tais chás não consigam promover sozinhos a perda excessiva de peso, mas, auxiliados a uma dieta saudável, podem sim acelerar o processo. Seja pela ação diurética de alguns, ou pela saciação da fome de outros, os resultados positivos tão desejados dentro de pouco tempo começam a aparecer.

Algumas alternativas de chás

Diuréticas

A ação destes encontra-se no combate a retenção de líquidos. Atuam nos rins e na glândula supra-renal, inibindo um hormônio chamado coristona, que impede a perda de peso.
Opções: Cavalinha, Dente de leão, Abacateiro, Quebra-Pedra, Cabelo de Milho, Sabugueiro.
Digestivas

Contra a prisão de ventre, a ação destas são provocadas por ervas que também procuram melhorar a regular as atividades do fígado.
Opções: Cáscara- Sagrada, Chapéu-de-couro, Zedoária, Hibisco, Psilium, Fucus.
Desintoxidantes

Eliminar substâncias tóxicas através da urina, suoe, ou fezes, é o principal objetivo de tais ervas, que captam toxinas responsáveis por desequilibrar as funções das células e ocasionam um aumento de peso.
Opções: Alfafa, Bugre, Chá-verde, Salsaparilha, Espinheira-Santa, Bardana.
Calmantes

Para acalmar a ansiedade, estas poderosas ervas interferem no sistema nervoso, trazendo sensações de tranquilidade e calma, o que evita compulsão.
Opções: Alecrim, Capim-Limão, Hortelã, Melissa, Camomila, Jasmin, Mulungu.
Emagrecedores

O objetivo destas ervar é facilitar o emagrecimento, atuando no fígado, rins e intestino, regulando as atividades destes, e acelerando o metabolismo. Ajudam no processo de quebra de lipídios.
Cuidado: Algumas dessas ervas pode ter efeito laxativo.
Opções: Alfafa, Cavalinha, Cana-do-brejo, Carqueja, Capim-Limão, Graviola.

Chá Emagrecedor com 9 Ervas

Elaborado, após nove meses de pesquisa, pela cirurgiã plástica estética, Patrícia Barros, do Rio de Janeiro, um chá feito com nove ervas e sem contraindicação ajuda a perder peso, controla o apetite, o colesterol, além de ser diurético.

A recomendação é que seja tomado três vezes ao dia, antes das refeições e seja utilizado juntamente com uma alimentação saudável e equilibrada.

Seus ingredientes são : 50 mg de Centella Asiática, 80mg de Melissa Officinalis, 100mg de Espinheira-santa, 50mg de Cássia, 40mg de Alcaçuz, 100mg de Passiflora, 80mg de Boldo, 50mg de Dente-de-leão, 80mg de urva usi.

Ferva três colheres de sopa da mistura das ervas para cada litro de água. Coe e acrescente gotas de limão e coloque na geladeira.

CHÁ EMAGRECEDOR FIQUE POR DENTRO

Elaborado, após nove meses de pesquisa, pela cirurgiã plástica estética, Patrícia Barros, do Rio de Janeiro, um chá feito com nove ervas medicinais e sem contra indicação ajuda a perder peso, controla o apetite, o colesterol, além de ser diurético. A recomendação é que seja tomado três vezes ao dia, antes das refeições e seja utilizado juntamente com uma alimentação saudável e equilibrada.

Seus ingredientes são : 50 mg de Centella Asiática, 80mg de Melissa Officinalis, 100mg de Espinheira santa, 50mg de Cássia, 40mg de Alcaçuz, 100mg de Passiflora, 80mg de Boldo, 50mg de Dente de leão, 80mg de Urva usi. Ferva três colheres de sopa da mistura das ervas para cada litro de água. Coe e acrescente gotas de limão e coloque na geladeira.

CHÁ VERDE

O chá verde é feito a partir da infusão das folhas da planta Camelia sinensis. Inúmeros estudos comprovaram os benefícios deste chá na saúde humana.

O chá verde auxilia na prevenção de doenças como o câncer, auxilia na redução do colesterol ruim (LDL) e aumenta o colesterol bom (HDL), auxilia no bom funcionamento do intestino e é muito indicado para dietas de redução de peso, pois ajuda na aceleração do metabolismo.

Para preparar o chá verde, não é recomendado utilizar a água em ebulição. Assim que começar a iniciar a fervura, retire do fogo e acrescente a erva, deixe em infusão por 2 a 3 minutos. O ideal são 2 colheres de sopa para cada litro de água. Depois, basta coar e tomar de 5 a 6 xícaras de chá verde por dia.

O chá verde pode ser tomado na temperatura que você achar melhor (quente, morno ou gelado). Mas, se for tomar em jejum, prefira o chá morno, pois cai melhor no estômago vazio.

O chá verde deve ser consumido em até 24 horas após o seu preparo, depois deste período as perdas dos componentes ativos são consideráveis. Você pode fazer o chá na quantidade para tomar num dia todo e guardá-lo numa garrafa térmica, jarra de vidro ou alumínio dentro da geladeira. Evite recipientes de plástico ou alumínio, pois podem prejudicar os componentes do chá.

O melhor horário para tomar os chás é entre as refeições, pois ele ajuda na redução do apetite.

O chá verde não é recomendado para gestantes, para quem está amamentando e para pessoas que possuem hipertensão, refluxo ou gastrite. Caso esteja tomando algum remédio, é bom consultar o seu médio para ver se você pode consumir.

Chás Emagrecedores Para Perder a Barriga

É aquela época do ano em que estamos cansados de nos sentirmos acima do peso e estamos prontos para fazer alguma coisa além de ir para a academia.

Um dos métodos mais subestimados de melhorar seu metabolismo é com chás emagrecedores ricos em antioxidantes.

Alguns chás para emagrecer são 90% mais eficazes para ajudar o corpo a queimar gordura do que o café.

Enquanto o chá verde está na maioria das manchetes sobre isso, há muitos outros que são ainda mais eficazes e que vão muito além da perda de peso com a habilidade de desintoxicar, ajudar os dentes e até prevenir câncer.

Chá de Anis Estrelado – Promove Digestão

Anis estrelado, o fruto de uma pequena árvore verde nativa da china, pode ser usado no tratamento de problemas digestivos como diarreia, náusea, etc.

Uma pessoa pode beber esse chá ao colocar uma vagem inteira dele em uma xícara de água quente por 10 minutos. Escorra a água e adoce se necessário.

Beba devagar quando tiver problemas estomacais. Esse é um dos ótimo chás para emagrecer e perder a barriga, já que alguns problemas de digestão podem ser os responsáveis por uma barriguinha mais saliente.

Chá de Porangaba – Ajuda na Perda de Gordura

A planta produz frutos vermelhos que lembram grãos de café. Essas plantas crescem na América do Sul e são muito vendidas no Brasil. O Chá de Porangaba é a poção de perda de peso do Brasil, contendo cafeína, alantoína, ácido alantoico e até potássio.

É dito que ele ajuda a acelerar a perda de peso, reduz o apetite, age como um diurético e até reduz depósitos de gordura e celulite. A porangaba também reduz o apetite, levando a uma ingestão menor de alimentos. A dose recomendada é o 1 saquinho de chá 30 minutos antes de cada refeição.

Chá de Hortelã – Controla o Que Você Come

O chá de hortelã acelera a digestão e assim te ajuda a queimar mais calorias. As folhas podem ser usadas para fazer um chá leve e refrescante, que pode ser tomado quente ou frio. Para preparar o chá, pegue uma colher de sopa de folhas secas e adicione a água fervente, e deixe ferver por cinco minutos. Adicione mel, se necessário.

Chá Branco – Estimula a Queima de Gordura

Feito das folhas e botões mais novos, o chá branco é sua melhor aposta para reduzir a exposição a fluoreto comparado a outros chás emagrecedores. O chá branco é mais eficaz que o chá verde no combate a germes. Ele tem um efeito antibacteriano, antiviral e antifungos.

O chá verde para a geração de novas células de gordura ao mesmo tempo que estimula a queima de gordura. As folhas podem ficar em infusão do que outros tipos de chá. É comum que fique em infusão por 1 a 10 minutos.

Chá Verde – Melhora o Metabolismo

Pesquisas dizem que elementos encontrados no chá verde aceleram o metabolismo, e é responsável por ajudar pessoas a perder peso – eles podem queimar 70 calorias por dia! De acordo com 17 estudos clínicos, o chá verde está relacionado a níveis significativamente mais baixos de açúcar no sangue. Chá verde também aumenta o nível de antioxidantes. Se acredita que o antioxidante catequina no chá verde acelera o metabolismo e ajuda a queimar gordura. É preciso cuidado com o chá verde já que algumas fontes parecem conter níveis excessivos de sódio, então tente ficar com as fontes orgânicas. Tempo de infusão do chá: dois a três minutos a 85 °C.

Erva Mate – Estimula o HDL (bom) Colesterol

Na América do Sul, a Erva Mate é cultivada e tomada como medicamento há séculos. Ela também combate o câncer. Algumas das enzimas antioxidantes mais importantes no corpo são induzidas pelo mate. Ela é rica em polifenóis e mostra uma grande atividade antioxidante. Pessoas que bebem chá mate experimentam um aumento significante de uma enzima que promove o colesterol HDL (bom) que evita que gorduras se oxidem. O mate é tradicionalmente infundido e servido em uma cuia e bebida através de um canudo de metal. Você também pode fazer mate em uma cafeteira normal. Apenas coloque o mate onde você normalmente colocaria o café.

Chá de Rosas – Previne Prisão de Ventre

Um dos chás mais antigos disponíveis, o chá de rosas – feito com uma mistura de rosas e o broto do chá – tem um grande efeito terapêutico no corpo humano. É também um dos melhores chás para emagrecer, devido ao fato de que a prisão de ventre, como você já deve saber, acaba te deixando um pouco inchado na região abdominal. Além de eliminar toxinas e deixar a pele mais bonita, o chá de rosas contém vitaminas A, B3, C, D e E e é conhecido por agir contra infecções. Ele também previne a prisão de ventre e ajuda a perder peso. Também é possível fazer chá de pétalas de rosa usando pétalas frescas. Limpe as pétalas sob água corrente. Coloque 1 a 2 xícaras de pétalas de rosa em uma panela com 3 xícaras de água. Ferva por cinco minutos e sirva.

Chá Feiyan – Desintoxica, Suprime o Apetite

O chá feiyan é uma infusão preparada com plantas medicinais que contém componentes eficazes para reduzir o acúmulo de gordura. Consumo regular desse chá ajuda a melhorar seu metabolismo, reduzir o inchaço diminuir o apetite, desintoxicar o corpo e se livrar do excesso de gordura. Considera-se que o chá não contém aditivos químicos, e é seguro para consumo regular sem efeitos colaterais. Deixe um saquinho de chá em cerca de 150ml de água fervida por 5 a 10 minutos. Tome uma xícara à noite para começar, depois de uma semana use uma xícara de manhã e uma à noite. Esse é um dos chás emagrecedores com resultados mais rápidos. Isso porque, um dos primeiros resultados aparentes de uma desintoxicação é justamente a perda da barriga. Um mês de administração desse chá mostrou resultados de 2 a 4 quilos no peso, entretanto é comum o ganho de peso após o primeiro mês, uma vez que o corpo se adapta.

Chá Oolong – Evita Obesidade

Pesquisas mostram que o chá oolong, um chá semi fermentado pode ter um efeito mais forte que o chá verde, promovendo queima de gordura até 157% melhor. O chá oolong bloqueia a oxidação em 50% em apenas 15 dias. Pesquisas sugerem que o chá oolong acelera o metabolismo, queima gordura e bloqueia a absorção de gordura. Além da perda de peso, ele é bom para diabetes tipo 2, pacientes com doenças cardíacas, reduz pressão arterial, previne apodrecimento dos dentes e melhora sua pele. Algumas pesquisas concluíram que o chá oolong reduz o colesterol e aumenta os níveis de adiponectina que te salva da epidemia da obesidade. Faça uma infusão do chá oolong em qualquer lugar por 30 segundos a 5 minutos, para uma xícara mais forte.

Chá Puer – Melhora o Metabolismo e a Digestão

Na China, ele é conhecido como um chá medicinal, mas aparentemente também é bom para curar ressaca. O chá puer melhora o metabolismo, diminui a pressão arterial e o colesterol, melhora a digestão e desintoxica o corpo. Há duas formas de fazer o chá puer: O jeito Ocidental e o jeito Chinês. O método Ocidental envolve os mesmos passos do chá de hibisco. O método Chinês envolve vários passos, desde lavar as folhas com água quente até infundir as folhas em uma temperatura específica.