O mazindol não é um derivado anfetamínico.

O Mazindol, que não é um derivado anfetamínico, substância anorexígena inibidora de apetite , atua como auxiliar no tratamento da obesidade.

Mazindol depois do femproporex, sibutramina e dietilpropiona, era um dos anorexígenos mais usados.

Em outubro de 2011 a ANVISA proibiu a comercialização de Mazindol no Brasil

Há estudos que confirmam a eficácia do Mazindol no tratamento da obesidade.

Mazindol tem um efeito anoréxico mais prolongado que o femproporex e dietilpropiona, sendo Mazindol eficiente anorexígeno, porém deveria ser restrito devido aos efeitos colaterais.

No Brasil, Mazindol foi proibido, era comercializado como Absten S, Dasten, Fagolipo e Moderine.

Abusos no uso do mazindol.

O mazindol, devido aos efeitos colaterais em potencial, deveria ser usado somente sob supervisão médica.

A utilização do mazindol deveria ser apenas a curto prazo como coadjuvante no tratamento da obesidade.

Enquanto o paciente utilizava o mazindol ele deveria ir adaptando-se a mudanças no seu estilo de vida e alimentação, que são as formas realmente eficientes de combate à obesidade a longo prazo.

O mazindol nunca deveria ser usado como uma fórmula mágica para curar a obesidade.

Contra-indicações e indicações Mazindol.

O mazindol era indicado nos casos em que os ganhos para a saúde do paciente decorrentes da perda de peso justifiquem os riscos de seus efeitos colaterais.

Mazindol pode reduzir o nível de açúcar no sangue em diabéticos.

Ao avaliar o risco verso benefício também deveria ser levado em consideração se o paciente tem hipertensão ou alguma forma de psicose.

A utilização do mazindol era recomendada somente a curto prazo, sendo que após uso prolongado as doses devem ser reduzidas gradualmente.

Efeitos colaterais do mazindol
Os efeitos colaterais mais comuns são:
Boca seca,
Obstipação intestinal,
Pode dar depressão,
Pode dar sensação de desconforto,
Agitação psicomotora,
Risco de pânico,
Pode chegar taquicardia,
Nervosismo,
Pode dar alteração do sono.

Mazindol Emagrece Mesmo?

Comercializado até 2011 no Brasil como Absten S, Moderina ou Fagolipo, o Mazindol é um remédio para emagrecer que está atualmente proibido pela ANVISA.

O Mazindol é classificado como um medicamento anorexígeno, ou seja, inibe o apetite e leva à perda de peso pela diminuição no consumo de calorias. Durante muitos anos, foi um dos remédios mais receitados por médicos para tratar a obesidade, mas acabou sendo proibido em diversos países por apresentar diversos efeitos colaterais.

No Brasil, o Mazindol foi vendido legalmente de 1999 a 2011, ano em que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária decidiu seguir os órgãos de saúde de outros países (como a FDA dos Estados Unidos) e baniu o medicamento por não considerá-lo seguro para a saúde.

Apesar da proibição, o medicamento ainda encontra vias irregulares para entrar no país, o que leva muitas pessoas a terem acesso a esse remédio de maneira relativamente simples. Se você é uma dessas pessoas com acesso ao medicamento, provavelmente deve estar se perguntando se Mazindol emagrece e quais são seus efeitos colaterais.

Antes de sabermos se o Mazindol emagrece mesmo e se você deve ou não tomá-lo para emagrecer, vamos entender o que esse medicamento faz no organismo.

Como funciona?

O Mazindol é um medicamento semelhante à anfetamina, que por sua vez é uma droga estimulante do sistema nervoso central e que provoca um aumento nas capacidades psíquicas e físicas.

Seu uso era indicado como tratamento auxiliar no combate à obesidade e seus efeitos colaterais, como diabetes, pressão alta e elevação dos níveis de colesterol.

Ao lado da sibutramina, dietilpropiona e femproporex, o Mazindol era um dos medicamentos anorexígenos mais utilizados no Brasil.

No entanto, quando comparado ao femproporex e à dietilpropiona, o Mazindol possui um efeito anorexígeno mais prolongado.

Embora seu mecanismo de ação não seja inteiramente compreendido, pesquisadores acreditam que o Mazindol emagrece atuando no centro de controle do apetite, elevando os níveis de neurotransmissores responsáveis pela comunicação da saciedade no cérebro.

O Mazindol atuaria ao mesmo tempo inibindo o centro de estímulo da fome e estimulando o centro de saciedade no hipotálamo. Isso aconteceria pela inibição da recaptação de serotonina, da dopamina e da noradrenalina.

Na prática, isso significa que o Mazindol contribui para evitar que você receba um estímulo de fome e para que se sinta saciado por mais tempo, diminuindo assim o consumo de calorias.

Contraindicações Mazindol

Embora o Mazindol ainda seja irregularmente utilizado para emagrecer, seu uso é especialmente perigoso para pessoas com:

Arteriosclerose (endurecimento da parede das artérias);
Pressão alta ou doenças cardíacas;
Glaucoma;
Histórico de alcoolismo ou uso de drogas;
Ansiedade;
Problemas na tireoide.

Como os efeitos do Mazindol na gravidez ainda são desconhecidos, é altamente recomendável que você evite tomar o remédio durante a gestação ou na fase de amamentação.
Efeitos colaterais

Como os demais medicamentos anorexígenos, o Mazindol também apresenta o risco de diversos efeitos colaterais após uso prolongado.

Principais efeitos colaterais do Mazindol para emagrecer:

Depressão;
Pânico;
Taquicardia;
Tontura ou dor de cabeça;
Boca seca ou gosto ruim na boca;
Agressividade;
Insônia;
Constipação ou diarreia;
Impotência ou variações no desejo sexual;
Nervosismo ou agitação psicomotora.

Durante o tratamento com Mazindol para emagrecer, é importante evitar o uso de equipamentos perigosos, pois os reflexos podem estar alterados.

Dirigir e beber também devem ser evitados durante a utilização do mesmo.

Tomar mazindol e beber faz mal?

Nenhum medicamento interage com bebida alcoólica a ponto de causar dano à saúde; isso é um mito.

Se por acaso fosse verdade, na bula do medicamento teria obrigatoriamente uma informação alertando para a contra-indicação.

Na maioria das vezes, o que o álcool pode acarretar é uma absorção mais lenta do princípio ativo do remédio.
Já li sobre isso em vários sites na Internet e não me intimidam mais as censuras das pessoas que acreditam que a mistura álcool+medicamento "corta o efeito" esperado.

Estou tomando Amoxilina p infecção urinaria posso tomar aquelas formulas para emagrecer?

Amoxiliana+Clavulanico de potássio
Anfepramona+Mazindol+Clordiazepoxido+Furosemida+outros

Que fórmulas????
Todo e qualquer tipo de remédio tem que ser prescrito por orientação médica. Não vá tomando remédios sem orientação médica pois o que pode ser bom pra sua amiga talvez não seje bom pra vc.... CUIDADO!!!!!!!!!!

Dietilpropriona, femproporex, mazindol qual é a diferencia?
qual deles e indicado para emagrecimento mais rapido?

NAO CAIA NESSA, ELES PODEM ATÉ EMAGRECER RÁPIDO, MAS A MESMA RAPIDEZ QUE VC EMAGRECEU É A PROPORCIONAL DE VC ENGORDAR.
VC JÁ OUVIU FALAR NO EFEITO SANFONA?