Dietas e Dieta

------------------------

gelatina ajuda a emagrecer.

Benefícios da gelatina: emagrece e faz bem para a pele
Gelatina ajuda a emagrecer e, de quebra, faz um bem danado para a elasticidade da pele. Veja os benefícios da sobremesa e motivos para acrescentar o alimento no seu cardápio
A gelatina ajuda mesmo a emagrecer? A resposta é sim, desde que inserida em uma dieta balanceada. É o que dizem a nutricionista da Clínica Luisa Catoira (SP), Daniella Camargo, e a endocrinologista e nutróloga Valéria Goulart (SP), que apontam o estímulo à saciedade como um dos aspectos mais positivos na luta contra os quilinhos extras.

O efeito ocorre por razões como o alto teor de aminoácidos, que age sobre o centro do apetite, como um moderador natural da fome. "Como ela retarda o esvaziamento do estômago, provocando saciedade e hidratação por mais tempo, dá para evitar as beliscadas engordativas fora de hora", destaca Daniella.

Essa, porém, não é a única maneira de tirar proveito da gelatina em nome do bem-estar e da forma física: a versão diet é uma escolha vantajosa, pois é isenta de açúcar, e pode ser incluída como lanche intermediário entre as principais refeições, seja na sua versão tradicional ou batida com iogurte, leite desnatado ou suco. A praticidade do preparo, o baixo custo, as poucas calorias (a versão light tem em média quatro calorias por porção) e o rendimento são outros pontos que facilitam sua inclusão no cardápio diário.

------------------------

Fonte de colágeno.

Fonte de colágeno
Os benefícios não param aí. Eles se estendem para a beleza da pele, do cabelo, dos ossos e das
unhas também. E tudo em razão da matéria-prima da qual se origina. A médica e nutróloga Valéria Goulart (SP) explica que a gelatina - também chamada de colágeno hidrolisado - é produzida pelo processamento do colágeno retirado da pele, das cartilagens e dos ossos de diversos animais, especialmente do boi. Graças a essa proteína, o alimento ajuda a estimular a síntese de colágeno humano, mantendo a tonicidade e a elasticidade da pele e prevenindo o surgimento da flacidez. Para entender o que isso significa, basta imaginar que o colágeno constitui cerca de 1/3 de toda a proteína do corpo humano e, aos 50 anos, produzimos aproximadamente 35% da quantidade necessária para manter tudo firme e forte.

Sem milagres
As boas notícias do consumo regular desse alimento aparecem em diversos estudos que comprovam sua importância para prevenção e tratamento de doenças, além de pesquisas que demonstram que os aminoácidos presentes são importantes para preservação de cartilagens, tendões, ossos e pele. "A revista espanhola Archivos de Medicina del esporte mostra a prevenção de lesões provocadas em atividades esportivas diminuídas com o uso do colágeno hidrolisado. Já pesquisas nos estados unidos e na Europa comprovam que a gelatina previne dores articulares e até artroses", reforça a médica.

Enfim, o poder está comprovado e todos podem desfrutá-lo, pois a gelatina é liberada para adultos, crianças e idosos. Para turbinar os resultados no nosso corpo, a dose indicada é de dez gramas por dia, o equivalente a uma colher de sopa. Mas, atenção: a melhor opção para consumo não é aquela de caixinha, que compramos no supermercado.

"A recomendada é a proteína hidrolisada, bem concentrada e com efeitos muito mais visíveis. O ideal é colocar uma colher de sobremesa da gelatina em pó em sucos, doces, iogurtes, vitaminas, musses, saladas de frutas ou até na própria gelatina industrializada", ensina Valéria Goulart. "Vale ressaltar também que, apesar de todos os benefícios, não devemos basear nossa dieta em um só alimento. As frutas, que são ricas em vitamina, água, mineral e fibra, por exemplo, não devem sair do cardápio diário", salienta Daniella Camargo. Então, dê uma forcinha para a perda de peso, aliando essa delícia geladinha a uma dieta equilibrada e orientada por um profissional. Para que o regime seja ainda mais efetivo, some a eficiência de uma atividade física e espere os resultados.
-------------------------

Gelatina pode ajuda a ganhar musculos e emagrecer.

Gelatina pode ajuda a ganhar musculos e emagrecer
Esse alimento simples pode te ajudar a ganhar músculos e emagrecer. A gelatina é extraída da pele, das cartilagens e dos ossos bovinos, portanto rica em colágeno, a principal proteína estrutural dos tecidos e ossos. Além disso a gelatina contém 9 dos 10 aminoácidos essenciais ao corpo humano. Esses aminoácidos ajudam a promover a síntese do colágeno, substância que sustenta os tecidos.
A gelatina comum possui 50 kcal a cada 14g de pó ( o suficiente para preparar 100g de gelatina pronta), 12 g de carboidrato ( o recomendado para 20 minutos de exercício) 1g de proteína ( que auxilia na recuperação da massa muscular) e 75mg de Sódio (também importante para a prática de exercícios).
A ingestão de meio pacote de gelatina diluído em 300ml de água durante a prática de atividades físicas moderadas e intensas de 1 hora.

Isso fará com que sua recuperação seja mais rápida (devido às proteínas), ajudará que não decaia o nível dos exercícios com o passar do tempo (devido a presença ideal de carboidratos e Sódio) bem como vai preservar seu tecido muscular. Além disso os aminoácidos estimulando a formação de colágeno, trará vários benefícios como manter a elasticidade da pele, fortalece as unhas e previne a queda de cabelo ( o colágeno forma a matriz onde os minerais se fixam para deixar unhas fortes e cabelos resistentes). Além disso a gelatina tem a capacidade de se ligar a grande quantidade de água, dando sensação de saciedade impedindo o exagero de alimentos.

-------------------------

Gelatina ajuda no processo de emagrecimento!

Gelatina ajuda no processo de emagrecimento!
Emagrecer e ainda fortalecer unhas, cabelos e deixar a pele firme longe da flacidez é melhor ainda né? Confira todos os benefícios que a gelatina pode trazer para sua dieta e saúde e arrase no próximo verão. Com certeza não terá para mais ninguém, você será a musa da praia. Então,é prá já!

Muito além da boa forma
Ela ganhou a fama de ser o alimento número um quando o assunto é dieta. Saborosa, refrescante, hipocalórica, que ajuda a combater aquela vontade aguda por doces e guloseimas e ainda, de baixo custo e fácil preparação.

Sim, a gelatina é tudo isso. Mas se engana quem pensa que ela deve estar inserida apenas no cardápio das pessoas preocupadas com os ponteiros da balança. Na verdade, os benefícios dessa delícia são bem maiores do que possam imaginar.

Composição e consumo
A gelatina é composta praticamente de aminoácidos (proteínas), que ajudam na síntese e na renovação do colágeno. Dos indispensáveis para o organismo, dez precisam ser adquiridos através da alimentação porque o nosso metabolismo não consegue sintetizá-los. Para ter uma idéia da importância da gelatina, ela possui nove tipos deles, faltando apenas o triptofano (precursor da serotonina), o neurotransmissor que nos deixa feliz.

A matéria-prima da gelatina é o colágeno, geralmente extraído da pele, tendões, ossos e cartilagens dos mamíferos. Embora os seres humanos sejam mamíferos, não se obtêm colágenos deles. Ideal nas dietas: Um dos benefícios dessa delícia é que ela é isenta de gordura. Das variadas marcas disponíveis no mercado, cada 100g fornecem 380 kcal, estas vindas praticamente dos carboidratos.

A mesma quantidade, mas na versão diet , além de ser isenta de carboidratos, fornece aproximadamente 7 kcal, obtidas exclusivamente das proteínas. A diet é isenta de carboidratos. Por isso, se você está de regime opte sempre pela versão sem açúcar.

No entanto, é interessante variar os sabores para não enjoar. Outra vantagem dessa delícia é que ela retarda o esvaziamento do estômago, deixando a pessoa saciada e hidratada por mais tempo. E ainda: dificulta a absorção dos carboidratos e das gorduras pelo estômago e pelos intestinos.

Se consumida regularmente, ela auxilia na redução dos níveis de colesterol no sangue, triglicérides e controla a glicemia. Por ser rica em proteína, ela fortalece os ossos e previne o organismo de doenças como a osteoporose. Ela promove também uma maior resistência física

---------------------------

Suco de gelatina: uma receita para saciar a fome e perder peso.

Suco de gelatina: uma receita para saciar a fome e perder peso
Rico em proteína e colágeno, suco prolonga a sensação de saciedade e deixa a pele firme
Uma receita para perder peso e, de quebra, melhorar a pele, cabelos e unhas tem conquistado cada vez mais adeptos. É o suco de gelatina, também conhecido como suco da saciedade.

Rico em proteína e colágeno, a receita prolonga a sensação de saciedade e traz vários benefícios, como afirma a nutricionista Virgínia Marcia Rodrigues. "O suco é indicado tanto para pessoas que querem ganhar massa, pois fornece a quantidade necessária de proteína; quanto para as querem perder peso, porque prolonga a sensação de saciedade".

De origem animal, a gelatina é uma substância rica em aminoácidos que formam a proteína, além de ajudar na síntese e na renovação do colágeno.

A nutricionista, porém, chama atenção das pessoas que têm alergia a corantes: elas devem tomar cuidado e escolher a gelatina sem sabor na hora de preparar o suco.

Para quem deseja perder peso, o indicado é tomar até 300ml do suco algumas horas antes das refeições, para prolongar a sensação de saciedade e, consequentemente, diminuir a porção de comida.

A estudante Susanne Tramonte, 20, há três meses aderiu ao suco, que, juntamente com a prática de exercícios físicos, fez com que ela emagrecesse 2kg em algumas semanas. Susanne ainda diz que a receita ajudou a amenizar sua vontade de comer doces.

"Eu era ávida por doces, e o suco ajudou a diminuir bastante esse desejo, porque, quando você toma o suco parece que está comendo um doce", afirma. Susanne, que recebeu a indicação de sua nutricionista, diz que sentiu mudanças também na pele, que está mais hidratada e com mais brilho.

Já a operadora industrial Dalva de Freitas, 42, sempre gostou de gelatina e ficou animada com a receita do suco que promete ajudar a perder alguns quilinhos. "Achei ótima a ideia. Não imaginava que uma sobremesa tão simples como o suco de gelatina pudesse ajudar a emagrecer. Vou testar".

Abuse do suco da saciedade

Benefícios

Tônus muscular
Hoje, já se sabe que a gelatina é eficaz para a manutenção do tônus muscular e para a firmeza da pele

Onde comprar
Usada principalmente para sobremesas, e comprada em supermercados, a gelatina pode ser em pó com sabor ou sem sabor, em folhas incolores ou coloridas

Resultado
Os primeiros efeitos se fazem notar após dois ou três meses de consumo diário

Formas
Versátil, pode ser adquirida em folhas, em pó com sabor, ao natural ou em cápsulas. Porém, existe uma diferença entre a gelatina que compramos no supermercado (sobremesa) e a gelatina vendida em casas de suplementos alimentares.

Colágeno
As casas de suplementos vendem o colágeno em pó, ou em cápsulas, que é o colágeno em sua forma pura. Já a gelatina-sobremesa, que compramos no supermercado, também tem colágeno na composição, porém, em menor quantidade.

------------------------------

Gelatina turbinada que emagrece.

Gelatina turbinada que emagrece

Aprenda a potencializar o efeito emagrecedor da gelatina com a ajuda de algumas frutas

Preparar gelatina com frutas ácidas ajuda no emagrecimento

Incluir gelatina no cardápio é uma forma prática e eficiente de perder peso. A sobremesa não possui gordura, tem poucas calorias e ainda dá saciedade. E o melhor: quando associada a frutas que combatem a obesidade - abacaxi, laranja e maracujá -, potencializa o emagrecimento de maneira saudável. A psicóloga Ana Cláudia Pagani emagreceu 18 kg em seis meses ao consumir essa delícia levinha. Confira o cardápio seguido por ela e perca peso você também!
O cardápio da dieta
Café da manhã
· 1 xícara (café) de café com adoçante
· 1 pão francês
· 1 colher (chá) de margarina ou requeijão

Dica da nutricionista: O ideal é substituir o pão francês por duas fatias de pão integral light.

Lanche da manhã
· 1 taça (200 ml) de gelatina com abacaxi picado

Almoço
· 3 colheres (sopa) de arroz
· 1 concha de feijão (temperado sem óleo)
· Salada de alface, couve e cenoura
· 1 porção de bife ou frango grelhado
· 1 fruta (laranja ou maçã)

Dica da nutricionista: Use arroz integral sempre que possível. Na hora de escolher a fruta, opte por uma ácida, como laranja, limão ou abacaxi, que ajuda na digestão e dá saciedade.

Lanche da tarde
· ½ pão francês com manteiga ou requeijão
· 1 fatia de ricota OU 1 taça (200 ml) de gelatina com maracujá

Dica da nutricionista: Troque o pão francês por torradas integrais.

Jantar
· Mesmo cardápio do almoço

Dica da nutricionista: Consuma carboidrato integral e carnes brancas no jantar.

Lanche da noite
· 4 quadradinhos de chocolate ao leite

Dica da nutricionista: Consuma apenas dois quadrados e coma novamente a gelatina.

------------------------

Mitos e verdades sobre a gelatina.

Mitos e verdades sobre a gelatina
Ela já foi apontada como a inimiga número um da celulite. Pode ser consumida ao natural ou misturada a outros alimentos. Saiba quais são os mitos e as verdades a respeito da gelatina.

Muito já foi dito a respeito da gelatina: que previne a celulite, protege as unhas e fortalece os cabelos. Houve uma época em que ela estava na moda, depois, cedeu lugar para outras novidades. Porém, os estudos a respeito do produto prosseguiram. Hoje, já se sabe que a gelatina é eficaz para a manutenção do tónus muscular e firmeza da pele.

A gelatina é extraída do colágeno, especialmente do bovino. Ela contém uma série de fragmentos de proteínas que fornecem aminoácidos, fundamentais para a manutenção de ossos e a regeneração de algumas articulações. Contém 9 dos 10 aminoácidos essenciais ao corpo.

Versátil, pode ser adquirida em folhas, em pó com sabor, ao natural ou em cápsulas. Porém, existe uma diferença entre a gelatina que compramos no supermercado (sobremesa) e a gelatina vendida em casas de suplementos alimentares.

As casas de suplementos vendem o colágeno em pó, ou em cápsulas, que é o colágeno em sua forma pura. Já a gelatina-sobremesa, que compramos no supermercado, também tem colágeno na composição, porém, em menor quantidade.

A gelatina do supermercado pode ser usada como um reforço do tratamento, porém, para se conseguir unhas e cabelos fortes, pele mais firme e articulações saudáveis, é necessário o consumo de colágeno in natura, devido à maior concentração dos nutrientes.

Confira a seguir, as respostas para as principais dúvidas sobre gelatina e saiba, de uma vez por todas, o que você pode esperar dela.

A gelatina previne ou reduz a celulite?
A celulite é o resultado de um processo multifatorial, onde ocorre a deficiência da circulação venosa e linfática, retenção de água, acúmulo de gordura e processo inflamatório. A gelatina não age diretamente na celulite. Permite que a pele tenha mais elasticidade, porém, isto terá pouca influência no aspecto e evolução da celulite.

É verdade que a gelatina não tem gordura nem colesterol?
Sim. A gelatina (ou colágeno hidrolisado) é isenta de gordura, colesterol e carboidratos. Ela é composta por cerca de 84 a 90% de proteína, 1 a 2% de sais minerais e 8 a 15% de água.

É mesmo feita de cascos de vacas?
A gelatina é obtida pelo processamento do colágeno protéico, que é extraído da pele, cartilagens e ossos de diversos animais.

A gelatina deixa as unhas mais fortes e os cabelos mais brilhantes?
Sim, ela contribui para isso. Para um crescimento saudável, unhas e cabelos precisam de diversos nutrientes. Entre eles, o colágeno, existente na gelatina. O colágeno é responsável pela cicatrização e regeneração dos tecidos. No caso das unhas e cabelos, o colágeno forma uma matriz onde minerais se fixam para deixá-los fortes, resistentes e brilhantes.

Pode ser aplicada directamente no cabelo?
Aplicar gelatina diretamente no cabelo não produz nenhum efeito porque o cabelo não consegue absorver os nutrientes.

Máscaras de gelatina deixam a pele mais bonita?
A aplicação tópica, ou seja, na superfície da pele, não tem nenhum efeito. Algumas máscaras possuem colágeno na fórmula e apresentam ação hidratante temporária. Porém, para apresentar benefícios na elasticidade da pele, a gelatina deve ser ingerida.

Quanto tempo demora para os resultados (visíveis) aparecerem?
Os primeiros efeitos se fazem notar após dois a três meses de consumo diário. Depois de obter o resultado desejado, é importante fazer uma manutenção, ou seja, o consumo deve ser incorporado ao cardápio. A dose recomendada é de 10g diárias (1 colher de sopa) de gelatina (também chamada de colágeno hidrolisado) diluída em meio copo de água ou adicionada em sucos, leite, sopas, chás, etc.

Quem faz dieta, precisa comer gelatina para não ficar com a pele flácida?
A gelatina é a maior fonte alimentar de aminoácidos que ajudam a estimular a síntese de colágeno no corpo. O consumo de gelatina durante o período de emagrecimento ajuda a manter a tonicidade e elasticidade da pele, prevenindo assim a flacidez.

A gelatina produz sensação de saciedade?
A gelatina se liga a uma grande quantidade de água, o que ajuda a dar sensação de saciedade após a sua ingestão. Além disso, seu alto teor protéico permite o uso em dietas. A gelatina também pode substituir ingredientes mais pesados e calóricos no preparo de pratos.

Comer um pote de sobremesa de gelatina por dia é suficiente para obter os seus benefícios?
Depende do que se quer alcançar. Como prevenção é interessante o seu consumo diário sob forma alimentar. Porém, se as unhas estão fracas ou o cabelo fraco, o uso de colágeno suplementar, em cápsulas ou em pó, é necessário para que o problema seja solucionado.

Qual é a melhor maneira de consumir a gelatina?
O ideal é associar o uso de colágeno suplementar (pó ou cápsulas) com a gelatina alimentar. Ela pode ser incorporada ao cardápio diário de diversas maneiras, em pratos doces ou salgados, sucos e iogurtes.

As gelatinas sem sabor são melhores do que as coloridas?
O efeito nutricional é o mesmo. A gelatina sem sabor permite a mistura de sucos ou frutas diversas, ou o uso em pratos salgados.

Muita gelatina faz mal para a saúde?
Não. Porém, ela não pode ser usada como única fonte de proteína. Deve fazer parte de uma dieta variada e equilibrada em proteínas, carboidratos e gorduras. É interessante notar que a adição de gelatina no cardápio ajuda a complementar a ingestão de proteínas de outras fontes, como carne, ovos e feijões.

Gelatina faz bem para os ossos e articulações?
Ossos, cartilagens e articulações são formados por colágeno acrescido de minerais. O colágeno reforça os tendões e ligamentos que unem os músculos aos ossos. A gelatina hidrolisada ajuda na nutrição destes tecidos, mantendo a hidratação e integridade das articulações, desempenhando assim um papel importante na prevenção e no tratamento de dores articulares, artrose e osteoporose.
------------------------------


Dietas e Dieta

Tudo Sobre Emagrecer Emagrecedor.info