Dieta

------------------------

dieta ortomolecular tipo sanguineo.

DIETA DO TIPO SANGUÍNEO REDUZ ATÉ DEZ QUILOS NO PRIMEIRO MÊS
Dieta combate a obesidade e ajuda na prevenção e no tratamento de doenças

Formulada para aperfeiçoar o desempenho do organismo, a Dieta do Tipo Sanguíneo, baseia-se na teoria de que o tipo de sangue determina funções digestivas, estruturas imunológicas e que alguns alimentos atuam não só na perda ou aumento de peso, mas também, na prevenção e tratamento de doenças. Idealizada pelo médico Naturopata Peter D´Adamo, a dieta mostra que para cada grupo sanguíneo, A, B, AB e O, existe uma relação de alimentos benéficos, neutros e nocivos, na qual o cardápio precisa ser criado, com base nesta classificação individual.

De acordo com a terapeuta ortomolecular Dra Emília Pinheiro, pioneira da Dieta no Brasil, tudo funciona de forma bastante simples: a partir de um "Programa Personalizado ao Tipo Sanguíneo", a pessoa passa a comer apenas os alimentos benéficos para o seu tipo de sangue. Estes atuam no organismo como remédios, e combinam à vontade com os alimentos considerados neutros, que servem de coadjuvantes da nutrição específica, desprezando aqueles considerados nocivos, já que estes funcionam como venenos tóxicos ao organismo em questão.

As conseqüências de um metabolismo agredido constantemente, acabam, mais cedo ou mais tarde, se tornando visíveis através dos mais diversos sintomas: obesidade (pelo armazenamento de gorduras); edemas e inchaços, em face da retenção de líquidos; disfunções da tireóide, síndrome da fadiga crônica, doenças auto-imunes; anemia, distúrbios de coagulação sanguínea, alergias, diabetes, doenças cardiovasculares e, até, câncer.

Este método apresenta um inovador plano de gerenciamento de vida saudável e indica meios de se corrigir todos os hábitos incorretos, incluindo os alimentares, de forma clara e objetiva. Sugere, desde os exercícios mais adequados a cada tipo sanguíneo a, também, lutar contra as doenças letais, indicando os medicamentos que melhor atuam em cada organismo, os suplementos alimentares e as vitaminas que precisam ser tomados ou evitados.

Segundo a Dra Emília, também autora do livro "Dieta Pelo Tipo Metabólico e Sanguíneo", o melhor é que na Dieta não existem contagens exatas ou restrições de calorias e, também, não é necessário que, de um dia para o outro, se tenha que abolir hábitos e preferências alimentares. "A perda de peso é uma das conseqüências naturais da restauração do corpo, que expele as toxinas que estão no tecido gorduroso, levando consigo a gordura e produzindo emagrecimento da pessoa. Aliada a outros fatores, como exercícios físicos, a dieta pode reduzir em até dez quilos no primeiro mês", explica.

Você sabia?

· Pessoas que tem sangue Tipo "O" precisam ingerir carne vermelha, para prevenir a obesidade e outros males. O que engorda as pessoas do tipo sanguíneo "O", são os grãos, certos tipos de feijões e legumes, especialmente lentilhas e feijão roxinho

· Tipo "A" - vegetariano por natureza genética - deve evitar radicalmente, tomate, batata inglesa e repolho. Aumentam de peso, devido à carne vermelha, ao feijão mulatinho, ao leite e seus derivados, além do excesso do trigo.

· Tipo "B" - deve fazer total restrição à carne de frango, que prejudica a circulação sanguínea e potencializa ataques e doenças imunológicas. Ganha peso com amendoim, lentilha, milho e trigo

· Tipo "AB" - deve abster-se de alguns tipos de feijões, pois intoxicam o aparelho digestivo, provocam hipoglicemia e diminuem o ritmo metabólico. Os responsáveis pelo desequilíbrio de peso são os feijões fradinho e mulatinho, o milho, as nozes e sementes em geral, a carne vermelha e o trigo.

------------------------

Ortomolecular - Indice de artigos.

Ortomolecular - Indice de artigos

Conhecido como o cultivador, o agricultor, sedentário, cooperador, metódico, primeiro vegetariano, colhe o que semeia, aparelho digestivo sensível, sistema imunológico tolerante, adapta-se bem as condições dietéticas e sedentárias, atividade relaxante melhora o stress, necessita de dieta vegetariana para permanecer magro e produtivo.
PRINCIPAIS RISCOS PARA SAÚDE: doenças do coração, câncer, anemia, distúrbios do fígado e da vesícula, diabetes do tipo 1.
DIETA BÁSICA: vegetariano, hortaliças, tofu, frutos do mar, feijões, leguminosas, frutas. PERDER PESO deve evitar carne, laticínios e trigo.
ALIMENTOS QUE FUNCIONAM COMO REMÉDIO: soja, hortaliças e abacaxi.
EXERCÍCIOS INDICADOS: relaxantes e que facilitam a concentração, como yoga, tai chi.

B
O nômade, equilibrado, flexível, criativo, com um sistema imunológico forte e sistema digestivo tolerante. Com opções dietéticas mais flexíveis, consumidor de laticínios, sua melhor reação ao stress é através da criatividade, necessita de um equilíbrio entre atividade física e mental para permanecer magro e forte. Possui facilidade de adaptação com dietas e ambiente e sistema nervoso equilibrado. O desequilíbrio emocional e da saúde causa tendência a doenças auto imunes e a viroses raras.
RISCOS PARA SAÚDE: diabetes do tipo 1, síndrome da fadiga crônica, doenças auto imunes.
DIETA BÁSICA: onívoro, carnes, menos de frango, laticínios, cereais, feijões, frutas, leguminosas, hortaliças.
PERDER PESO: evite milho, lentilha, amendoim, gergelim, sementes, trigo.
ALIMENTOS QUE FUNCIONAM COMO REMÉDIO: folhas, ovos, fígado, chá de alcaçuz.
EXERCÍCIOS INDICADOS: moderados e com equilíbrio mental, por exemplo: caminhada, ciclismo, tênis, natação.
-------------------------

Para a "Dieta do Tipo Sanguíneo.

Para a "Dieta do Tipo Sanguíneo", quais alimentos são recomendados para o sangue "A+
Temos o mesmo tipo sanguíneo.
Os alimentos que positivos são: cavala, bacalhau, sardinha, truta, salmão, vermelho, cereja, figo, damasco, abacaxi, jaca, limão, ameixa, romã, amora, abóbora-moranga, couve, gengibre, alho, cenoura, acelga, cebolas, chicória, espinafre, nabo, quiabo, alcachofra, folhas de beterraba, raíz-forte, babosa, alface-romana, aipo, salsa, salsão, trigo-serraceno, pão de farinha de soja, farinha de aveia, bolo de arroz, leite de soja e queijo de soja.

Os neutros são carnes de frango, galinha d'angola, peru, pescada, tainha, truta, abacate, amora, caqui, carambola, framboesa, goiaba, kiwi, maçã, melancia, marmelo, melão, morango, nectarina, pêra, pêssego, uvas, arroz em geral, cevada, glúten, farinha de trigo integral, fubá, flocos de milho, granola de aveia, bolo de milho, mingau de aveia, bolo de milho, pão de arroz integral, pão de centreio, pão sem glúten, pão de semolina, pão de trigo branco e integral, iogurte, leite de cabra, manteiga de búfala, ovos de codorna, galinha, pata, queijo de cabra, mussarela, ricota.

Alimentos negativos: carne de boi, cabrito, carneiro, codorna, coração, fígado, porco e derivados (bacon, lingüiça, mortadela, presunto, salame, salsicha); bananas em geral, coco e derivados, laranjas, mamão, manga, melão amarelo, tangerina, alcaparras, azeitonas pretas, batata, berinjela, inhame, pimenta malagueta, picles no vinagre, pimenta-chili, pimentões em geral, repolhos, tomate, creme de leite, leite de vaca integral e desnatado, manteiga, margarina, queijos em geral, requeijão e sorvetes cremosos.

Os positivos podem ser ingeridos à vontade pois mantém o peso ideal e são bons pra saúde. Os neutros não fazem mal nem bem, e negativos são prejudiciais.

-------------------------

Tipo Sanguíneo e Cardápio.

Tipo Sanguíneo e Cardápio
A Dieta Ortomolecular foi criada pelo americano Peter D'Adamo para quem quer emagrecer. A ideia é definir através do tipo sanguíneo quais alimentos devem ser evitados. A dieta é simples, basta ver quais os alimentos que devem ser evitados e comer aquele que estão de acordo com o tipo do seu sangue. Não requer gastos e nem o sacrifício de ficar sem comer e passar fome. O problema dessa dieta é se a família toda for segui-la já que cada um possui um tipo de sangue e posteriormente um cardápio diferente a ser seguido pela dieta.
Cada grupo sanguíneo possui características que definem a dieta a ser seguida, confira abaixo cada uma delas:

Sangue Tipo O – É o mais antigo dos grupos, formado basicamente por caçadores ativos e musculosos que devem possuir uma dieta rica em carnes. As pessoas desse grupo devem comer carne de boi, búfalo, coelho, fígado, veado, peru e carneiro, e devem evitar caviar, polvo, café, destilados, chá, refrigerante, cogumelo, couve-flor, batata e azeitona.

Sangue Tipo A – É um grupo mais recente que surgiu com a prática da agricultura. Pessoas desse tipo sanguíneo devem evitar as carnes vermelhas. As pessoas desse grupo devem apostar em salmão, sardinha, carpa, bacalhau, truta, alcachofra, brócolis, cenoura, alho, alface, abóbora, café, chá e vinho tinto, e não devem comer carnes vermelhas em geral, podendo raramente se alimentar de frango, codorna e peru. Devem evitar também siri, polvo, lagosta, ostra, cerveja, tomate, pimenta e azeitona.

Sangue Tipo B – Os nômades fazem parte desse grupo e possuem um sistema imunológico mais forte e um sistema digestivo mais flexível. É o grupo mais propício aos derivados do leite. As pessoas desse tipo sanguíneo devem se alimentar de carne de coelho, carneiro, cordeiro, veado, beterraba, brócolis, repolho, beringela, gengibre, pimenta, batata doce e cenoura. Devem evitar comer frango, pato, ganso, tartaruga, mexilhão, lagosta, moluscos, ostra, destilados, refrigerantes, azeitona, abóbora e tomate.

Sangue Tipo AB – É um grupo mais recente que teria evoluído a partir dos grupos A e B. A dieta desse tipo sanguíneo é baseada nas dos grupos A e B de onde se originou. As pessoas desse grupo devem apostar em carne de peru, coelho, carneiro, cordeiro, beterraba, brócolis, couve-flor, batata-doce e inhame. As carnes vermelhas devem ser evitadas, com exceção do faisão e fígado que devem ser raramente ingeridos.

---------------------------


Dieta

Tudo Sobre Emagrecer Emagrecedor.info