Chá e Chás

------------------------

Tipos de Chá conheça os benefícios de cada bebida.

Veja os benefícios dos chás mais conhecidos e invista nesses remédios naturais

Além de serem diuréticos e conter propriedades antioxidantes, cada tipo de chá consegue trazer um benefício: prevenir diabetes, acalmar, diminuir a TPM, etc.

Além disso, um estudo feito com 500 mil europeus e publicado no American Journal of Clinical Nutrition (2010) mostrou que as pessoas que consomem chás e café têm menos chances de desenvolver câncer no cérebro. Outra pesquisa realizada pela Universidade de Utrecht, Holanda, (2010) analisou 40 mil pessoas e apontou que tomar xícaras de chás ou café previne o coração contra problemas cardíacos.

Quer mais benefícios? Então, saiba que os chás também ajudam na prevenção contra diabetes. É o que disseram pesquisadores em artigo para o Archives of Internal Medicine (2009). Os estudiosos analisaram 18 estudos sobre os chás e conseguiram concluir que pessoas que tomam de três a quatro xícaras de chá diminuem as chances de desenvolver diabetes tipo 2, quadro mais comum da doença.

ABC dos chás:
Quer saber quais são os tipos de chás e como as ervas podem beneficiar a saúde? Então, veja a seleção de alguns tipos da bebida mais conhecidos e os benefícios que cada chá traz para a saúde:

Camomila
É uma das mais conhecidas, mas também não é para menos. A camomila alivia dores de cabeça e tem efeito calmante. Já foi comprovado em estudo feito pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) que a camomila é um dos aliados naturais contra a TPM. O estudo, que analisou 1.053 brasileiras, revelou que a erva e o chá de maracujá são indicados para aliviar crises nervosas e sintomas de ansiedade. Além disso, a camomila também ajuda a combater a olheira. Faça o teste: compressas de chá frio de camomila por dez minutos.

Alecrim
Dentre os benefícios, o alecrim tem propriedade que combatem a anemia, gripe ou dores por contusões. Outro exemplo é o efeito anticáries que o alecrim do campo apresentou em estudos realizados na Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo (USP), em Ribeirão Preto. Segundo o estudo realizado na mesma faculdade, mas pela nutricionista Ana Mara de Oliveira e Silva, o alecrim tem propriedades antioxidantes, quando usado em poucas quantidades.

Chá preto
O chá preto, ou chá vermelho (nome comum na China), é um tipo de bebida corriqueira do mundo ocidental. A bebida e é feita a partir da erva Camellia Sinensis, originária do chá verde. A diferença entre o chá verde e o chá preto é que o segundo passa por um processo de torrefação e assim, ganha um sabor diferente. O chá é ideal como anti-inflamatório, ajuda em processos intestinais e tem propriedades adstringentes.

Chá verde
Existem muitas teorias sobre o chá verde (pode acreditar, são muitas mesmo!). Conhecido também como banchá, ou green tea, a bebida ganhou forças pelas propriedades terapêuticas, antioxidantes - capazes de retardar o aparecimento de rugas -, aumenta as defesas da pele contra os raios UVB (responsáveis pela vermelhidão da pele e queimaduras) e previne inflamações. Fora isso, estudo realizado no Reino Unido (2011) mostrou que a bebida protege o cérebro de Alzheimer e o corpo do câncer.
Erva-cidreira
O chá é feito a partir da planta Melissa Officinalis e é utilizada como remédio caseiro para
mais de 20 males. Dentre eles, o chá é indicado para amenizar a ansiedade, cólica, febre, flatulências, gripe, insônia e até náuseas. Como tem propriedades calmantes, a erva é indicada para acalmar os ânimos também.

Erva-mate
A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) comprovou por meio de estudos que a erva-mate combate o colesterol ruim em até 12%. Outro estudo realizado nos Estados Unidos (2007) aponta que a erva utilizada para fazer o chimarrão no Sul do Brasil, ou o tererê (versão fria do chimarrão) no Sul da Argentina é capaz inibir o envelhecimento precoce.

Boldo
Derivado da planta originária do Chile, o chá de boldo é conhecido por melhorar problemas de estômago, como cólicas, gases, azia, efeitos da bebida alcoólica e gastrite, além de estimular o processo digestivo. O indicado é consumir uma xícara de chá pela noite, mas com moderação, porque o excesso do consumo pode levar às irritações no estômago.

------------------------

Tipos de chá mais.

Chá Oolong- geralmente refere-se aos "semi-fermentados" e é principalmente produzido na China e em Taiwan(frequentemente chamado Red ou Formosa tea) . Para a fabricação dos oolongs, as folhas são secas diretamente sob a luz solar, então sacudidas em cestos de bambu para ligeiramente machucar as beiras. Então, as folhas são estendidas para secar até a superficie das folhas tornarem-se levemente amarelas. Oolongs são sempre chás de folhas, nunca quebradas pelo processamento de enrolar. Os menos fermentados dos chás oolongs, quase de aparência verde, são chamados de Pouchong.

Pu-erh -, unico para China, cresce e é colhido por todo o ano, ao contrario dos outros chas que requerem períodos sasonais. Embora o Pu-erch tenha muito do gosto de um chá preto, cai dentro da sua propria categoria. Estes chás não são permitidos uma completa secagem. Eles são "compostos", permitindo o crescimento de "bactérias amistosas". O chá é então envelhecido em especiais salas subterraneas ou cavernas, adicionando a eles um carater unico. Estes chás envelhecidos são super valorizados e podem ser encontrados como os vinhos em época de colheita, alguns datam de 40 a 50 ou mesmo 100 anos atrás!
{mospagebreak}
Chá branco- é produzido numa escala limitada na China e India. Ele é o menos processado das muitas variedades. Os botões novos de flores são colhidos antes que eles abram e simplesmente são deixados para secar. Os botões encaracolados tem um aparência prateada e produz uma cor de chá muito pálida e delicada..

Chá aromatico- é criado quando aromas adicionais são misturados com as folhas no estagio final antes que o chá é empacotado. Para o chá de jasmim, as flores de jasmim são todas adicionadas nos chas verdes e chás oolongs. Earl Grey é aromatizado com bergamota.

MISTURAS DE CHÁS

Como o tabaco e café há também misturas de chás. Uma mistura bem pensada de tipos de chás poderá assegurar uma confiável experiência de sabor. Hábeis misturadores e apreciadores de chás recentemente compõem tal como uma mistura cada hora de vários lotes de importação, assegurando as mesmas características em sabor.
-------------------------

Tipos de chás e para que servem.

Para quem não sabe, o chá é a bebida não-alcóolica mais consumida em todo o mundo. Seja para refrescar, estimular, ou curar uma dor de cabeça, todo mundo já tomou algum tipo de chá. A Ásia ainda é o maior produtor de chás do mundo , mas é a Inglaterra que consome mais. Os tipos mais comuns de chá são:

Chá Preto: tipo preferido nos países ocidentais é produzido pela secagem e fermentação das folhas;
Chá Verde: este é o preferido dos países asiáticos, é colocado no vapor e não é fermentado;
Alecrim: ajuda a aliviar os gases e cólicas;
Camomila: é usado como calmante, auxilia a digestão e alivia as cólicas menstruais;
Dente-de-leão: o chá desta erva é considerado diurético;
Erva-cidreira: é utilizado como calmante;
Erva-doce: ajuda a aliviar irritações no estômago,
Fruto da roseira: rico em vitamina C, seu chá pode substituir o suco de laranja;
Hortelã: tem ação refrescante e estimulador da digestão;
Sabugueiro: o chá de sabugueiro alivia os sintomas de gripes e resfriados;
Tomilho: é recomendado para problemas gastrointestinais, além de aliviar a congestão pulmonar;

No Brasil o chá mais comum é o tipo mate, que é tomado gelado ou quente por todo o país, no Sul, é chamado de chimarrão, e usam-se as folhas verdes.

-------------------------

Tipos de chá e benefício.

Existem vários tipos de chá no mundo, é uma das bebidas mais consumidas perdendo somente para a água. Essa milenar bebida surgiu na China a mais de 2.000 anos, que na época era servida para os imperadores. Ela foi ocidentalizada na Inglaterra, no final do século XVIII.
Confira agora alguns tipos de chá, alguns comuns e outros nem tanto:

Chá Verde – Combina com saladas, peixes, doces, frangos e bolos. É o mais leve de todos e muito saboroso;
Erva-Mate – Muito utilizado em varias partes do Brasil, pode ser tomado gelado, quente ou em chimarrão, que é comum no sul do país. Possui vitaminas do complexo B, C e E, também é um excelente diurético;
Hortelã – Excelente para combater dores de cabeça, resfriado, tosse e enjôos. Combina com qualquer tipo de alimento;
Camomila – Possui um gosto suave e agradável, tem efeito antiespasmódico, antiinflamatório e cicatrizante, ajuda também para aliviar a cólica e febre;
Erva-Cidreira – Combate as dores de cabeça, cólicas menstruais e gases intestinais. Possui efeito sedativo, calmante, diurético e antiinflamatório;
Chá Branco – É muito parecido com o verde e também é leve, por isso combina com vários alimentos como peixes, saladas e frangos;
Oolongo – Como esse chá é mais encorpado combina com queijos e carnes. Serve como um acompanhamento para bolos de chocolate e cheesecakes.

--------------------------

Outro tipos de chá é o TISANAS.

Como foi afirmado no início, se a infusão não provém da planta camellia sinensis, não se pode dizer que se trate verdadeiramente de um chá. Contudo, o uso popular leva a que existam vários outros tipos de tisanas que obrigatoriamente não poderiam deixar de ser referidas.
Tisanas como o chá de limão, cidreira, camomila, tília ou menta são bastante apreciadas – tão populares como o verdadeiro chá – e são tão ilimitadas quanto a variedade de plantas, frutos e árvores aromáticas que existem.
Muitas destas infusões alegam também efeitos medicinais, habitualmente associados aos efeitos primários das plantas em que se baseiam. Contudo, convém não os confundir com os efeitos terapêuticos do chá, bem mais consolidados e comprovados que os das tisanas.

------------------------------

Chá: a bebida predileta dos chineses.

O chá possui uma longa e mitológica trajetória na China. Os especialistas acreditam que o produto surgiu a partir das plantas das florestas regiões montanhosas das províncias de Sichuan e Yunnan.
Versa a tradição que a bebida foi descoberta por volta de 2.737 aC., pelo imperador Shen Nong, um governante que se notabilizou por suas proeminentes pesquisas científicas, iniciativas sanitárias e pelo mecenato artístico.
A ele se atribui, por exemplo, o salutar hábito dos chineses consumirem água somente depois de fervida.
O imperador, contudo, teria se intoxicado ao realizar algumas experiências empíricas para descobrir o poder medicinal embutida em diversas espécies de plantas.
Após mascar diferentes caules e folhas, passou a exibir sintomas de envenenamento, como boca ressecada e adormecida e seguidas ondas de tontura. Logo depois, teria caído em estado semiconsciente debaixo uma árvore.

A natureza, no entanto, se encarregou de salvá-lo. O vento derrubou algumas folhas ao seu lado. O imperador as mascou, apesar do sabor amargo e de sua forte fragrância. Horas depois, os sintomas da intoxicação desapareceram.
Recuperado, Sheng Nong coletou algumas folhas para ampliar seus estudos em seu palácio e descobriu suas propriedades medicinais. Mais tarde, plantou algumas de suas mudas nas Montanhas Kun Lu Shan, legando aos seus herdeiros um amplo cultivo de chá.
Segundo os dados disponíveis, antes do Período de Primavera e Outono e do Período dos Reinos Combatentes (770-221 aC), as propriedades medicinais do chá já eram amplamente reconhecidas pelos chineses, já habituados a mascarem as folhas de chá.
Durante as Dinastias Qin (221 - 206 aC) e Han (206 aC a 220), surgiram as primeiras casas especializadas no processamento de chá. De uma forma geral, os trabalhadores trituravam as folhas para formar bolos ou bolinhas e as colocavam para secar. Com o passar do tempo, a bebida ganhou funções sociais, tornando-se indispensável durante as recepções e eventos sociais.
A cultura do chá conheceu forte expansão durante as Dinastias Sui (581 ? 618) e Tang (618 ? 907), dando origem aos plantatios e ao cultivo de diversas qualidades. As técnicas de cultivo foram aperfeiçoadas durante as dinastias Ming (1368 ? 1644) e Qing (1616 ? 1911). O número de variedades também cresceu, bem como o consumo.

Desde então, o preparo e o consumo de chá começaram a gerar outros toques de requinte social. A cerâmica rosa e as técnicas de saboreio, por exemplo, ganharam força entre os chineses: os utensílios eram cuidadosamente lavados com água quente; depois de secos, os chaleiros recebiam as folhas, acrescidas de água quente. Minutos depois, a bebida era servida em tom ritualístico.
As mesmas dinastias assistiram ao surgimento de outros tipos de chá. As populações de Guangdong e Guangxi, por exemplo, inclinaram-se para o consumo do chá preto; o chá verde fez sucesso em Zheijiang, enquanto os nortistas optaram pelos chás misturados com flor de jasmim.
Mas, os sabores da bebida nunca foram tão diversificados quanto nos dias de hoje. Muitos de seus admiradores optam por um sabor original; outros preferem a bebida com levemente temperada ou acompanhados de alguns petiscos. De qualquer forma, o chá ainda é presença obrigatória nas mesas de trabalho, encontros familiares e nos restaurantes chineses.
O chá é a mais popular bebida no mundo, depois da água.Todo ano, um numero astronômico de xícaras de chá são consumidas ao redor do mundo, por volta de 7.68,500.000.000. A Grã Bretanha, famosa pelo seu costume do chá da tarde e pela introdução deste hábito ao mundo, reserva o record mundial como o maior importador de chá. Ela também ostenta a mais alta consumação de chá per capita no mundo=cada homem britânico, mulher e criança bebe aproximadamente 4 xicaras de chá por dia!

Hoje, a produção de chá é calculado por volta de 2,34 bilhões de kg por ano. Índia contem o numero 1 na posição como a maior nação produtora de chá do mundo, com uma produção anual de aproximadamente 850 milhões kg. China, onde o chá originou-se, hoje sustenta a segunda posição e contribui com 22% de produção de chá mundial. Outros paises são notaveis nesta produção de chá como a Argentina, Sri Lanka, Turquia, Geórgia, Kenya, Indonésia e Japão.
No século quarto A.C. o chá ja era popular na China. O chá foi desenvolvido em tres principais estágios: o chá fervido, amassado ou batido e o chá infundido. Estas três "Escolas de chá" são indicações do espírito de suas respectivas idades o quais correpondem as dinastias Tang.Song e Ming.
No século oite o chá tornou-se um bebida real adotada pela nobreza com um elegante passa tempo. O Poeta LU YU, no cume da dinastia Tan, escreveu o primeiro libro do chá "Chá King" ou "O código do chá".
O chá tem sido quase sempre ligado com a historia e sido disperso e trazido aos povos em contato com diferentes religiões e filosofias.

No Japão o chá foi somente introduzido no século nove por um monge budista chamado Saicho. Para os japoneses, chá é mais do que somente uma bebida. A cerimônia do chá, do qual o objetivo é ajudar o espirito e encontrar a paz, tem efetivamente atravessado séculos e fronteiras.
O chá penetrou todas as terras da Mongólia, Iran e os países mulçumanos e Russia antes de atingir a Europa.
Em 1606 um navio mercante holandês trouxe o primeiro lote de chá para Amsterdam e de lá para outros paises na Europa. As preciosas folhas(800 florins por kg na época), no tempo que um Frans Hals original custava o mesmo, onde eram reservadas apenas para grandes cidadãos.
Eles tomavam chá não somente para testa-lo, mas também porque atribuíam efeitos medicinais a ele. Afora das especiarias, o chá em breve foi comprovado o mais lucrativo frete.
Não é de se estranhar que encontrava-se sempre quantidades maiores para o Oeste. Por causa deste aumento em fornecimento os preços caíram tanto que nada sustentou a medida que isto foi crescendo popularmente, e agora o chá é a segunda bebida mais tomada na Holanda, depois do café.
Em 1606 um navio mercante holandês trouxe o primeiro lote de chá para Amsterdam e de lá para outros paises na Europa. As preciosas folhas(800 florins por kg na época), no tempo que um Frans Hals original custava o mesmo, onde eram reservadas apenas para grandes cidadãos.
Eles tomavam chá não somente para testa-lo, mas também porque atribuíam efeitos medicinais a ele. Afora das especiarias, o chá em breve foi comprovado o mais lucrativo frete. Não é de se estranhar que encontrava-se sempre quantidades maiores para o Oeste.
Por causa deste aumento em fornecimento os preços caíram tanto que nada sustentou a medida que isto foi crescendo popularmente, e agora o chá é a segunda bebida mais tomada na Holanda, depois do café.
Em 1636 o chá também foi rapidamente adquirindo popularidade na França. O Chanceler Seguier, Racine, Countess de Genlis e o Cardinal Mazarin Forall todos foram fieis devotos. As cartas de Madame de Sévignes nos diz que a Marquesa de la Sabliere começou o costume de tomar chá com leite.
No século 19 na Inglaterra, o chá tornou-se a bebida nacional. A Rainha Victoria iniciou o chá da tarde as 5 horas da tarde. O chá volta na história novamente com o famoso Boston Tea Party(Chá da Tarde de Boston) em dezembro de 1773; o primeiro ato da Guerra da Independência Americana.
No século XIX a China foi virtualmente o único fornecedor de chá do mundo.Em 1834 as plantações de chá foram introduzidas na India e um pouco mais tarde, em 1857, no Ceilão e daí para Ásia, África e seguiu para a América do Sul. A competitão entre os navio para os transportes rapidos de chá conduziam corridas na rotas marítimas do distante Oriente .
------------------------

Chá e Saúde

Atualmente, estudos de nutrição e especialistas em dietas, lideres de personalidades esportivas e seus treinadores, todos concordam que o chá é uma escolha natural.
O chá é uma bebida natural. Não passa por nenhum processo tecnológico de fabricação. É deixado em conserva naturalmente após as folhas terem sido colhidas. Depois de clarificadas suas folhas são quebradas para liberar os sucos naturais e deixar para fermentar ou oxidar naturalmente.
Depois são enroladas, secas, sorteadas e empacotadas em caixas. Nenhum aditivo, nenhum aroma artificial, nenhuma coloração , nenhum conservante.
Isto é verdade para a larga maioria de chás aromaticos, como o chá de jasmim, o qual tem as flores do jasmim adicionadas no seu estagio de secagem; ou o EarL Grey, o qual tem o oleo citrico da bergamota adicionado ao seu estagio de mistura. O mesmo é o caso com a maioria dos chas de frutas e ervas.
Hoje as pesquisas cientificas estão encontrando evidencias para confirmar outras doutrinas centenárias sobre o poder da bebida para previnir doenças e prolongar a vida. "Isto comprova que os componentes que há no chá ajuda a reduzir o risco de um grande numero de doenças crônicas, tais como derrame, enfarte e alguns tipos de cancer." Diz o Dr. John Weisburger, um membro graduado da Fundação Americana da Saude, um centro de pesquisas em Valballa, Nova York.
Tomando chá talvez mesmo evite a cair os dentes. Tudo isso são boas noticias para o planeta: chá é o maior e mais largamente bebida tomada no mundo, junto com a água, com uma estimativa de 1 bilhão de xícaras de chá tomadas diariamente.
Benefícios do chá
Realmente, junto com a agua, o chá é uma das mais naturais bebidas disponiveis no Mercado.
Aqui alguns pontos sobre os efeitos à saude:
O chá atua como diurético e portanto ajuda na ação dos rins , bem como no intestino grosso.
A entrada de agua tomada com o chá ajuda a previnir pedras nos rins e constipação.
O chá ajuda na digestão, e é, geralmente falando, uma boa bebida para tomar com e depois da comida.
Ajuda ao sucos do corpo trabalharem melhor, porque não contem alcool ou açucar, a não ser que voce adicione .
Tambem ajuda aos musculos do estomago atuando na digestão e tirando aquele peso após a refeição.
Depois do exercício o chá é excelente. Bebidas quentes são absorvidas pelo corpo muito mais rapidamente do que as bebidas geladas e então uma xícara de chá repõe a perda do liquido do corpo assim como reaviva e refresca.
Para crianças de 10 anos acima, o chá é particularmente bom comparado as bebidas saturadas de acido carbonico pois nao contem açucar. Se sua criança gosta de açúcar, é melhor consumi-lo controladamente com o chá.
CHA-PRETO Thea sinensis L
Partes usadas
Folhas
Família
Teáceas ou Cameliaceae
Características
Herbácea de flores brancas ou cor-de-rosa, frutos redondos, medindo de 3 a 5 cm de diâmetro. É utilizando como condimento.
Dica de Cultivo

Outros Nomes: Port.: chá, chá-da-china, chá-da-Índia; Esp.: té [de la China]; Fr.: thé; Ing.: tea.
Princípio ativo
Taninos, dentre outros.
Propriedades
Antidiarréico, tônico.
Indicações
É usado com estimulante em caso de fadiga ou de esgotamento, é um remédio de emergência, que não deveria tornar-se habitual.
Usa-se também em diarréias e colites, como tônico digestivo em caso de digestão muito difícil ou indigestão. O infuso é feito com 30 a 50g de folhas por litro de água. Não se deve tomar mais que 5 xícaras diárias.
O uso externo é indicado em lavagens oculares em caso de conjuntivite (decocto com 30-50 g da planta por litro de água, fervidas por 5 minutos), aplicar sobre os olhos.
Toxicologia
Provoca excitação do sistema nervoso, do coração e do sistema circulatório. Aumenta a secreção de sucos ácidos no estômago.
------------------------

Os diferentes tipos de chá.

Os diferentes tipos de chá
Conheça a propriedade de alguns deles
Você tem costume de tomar chá? Pode ser o mate, o de camomila ou o de erva doce, não importa: os chás, ainda mais com esse friozinho típico, ajudam a aquecer o corpo e, além disso, os que são feitos com ervas medicinais combatem vários males.

Os chás fazem parte do seu dia a dia? Quais os benefícios que eles proporcionam? Conte-nos!

Conheça alguns:

Chá mate: é importante não confundir o chá mate com o preto, pois são duas ervas diferentes. Este tipo de chá vem da erva mate nativo da região Sul do Brasil e do Paraguai. Segundo estudos, o mate é uma bebida estimulante que elimina a fadiga e estimula a atividade física e mental, atuando beneficamente sobre os nervos e músculos.

Chá preto: é o chá mais comum no Ocidente. Ele possui as mesmas propriedades do chá verde, isto é, possui propriedades hipoglicemiantes, antiobesidade, anticolesterol, anticancerígenas e rejuvenescedoras de todo no nosso organismo. Quando ingerido após as refeições o chá preto ajuda a controlar a absorção de gorduras e de açúcares, razão pela qual ele ajuda a emagrecer e a controlar a glicemia (açúcar no sangue) e o colesterol.

Chá verde: uma das substâncias do chá verde é a teofilina, que ajuda a dilatar os brônquios, melhorando a respiração dos asmáticos. O chá verde previne ainda a formação de pedras na vesícula e nos rins, além de normalizar a função da tiróide e regenerar a pele. Quer mais sobre o chá verde? Então anote: ele aumenta o colesterol dito bom, o HDL, em oposição ao mau colesterol, o LDL. Além disso, há estudos que comprovam que quem consome chá verde tem melhor disposição para queimar gorduras, pois aumenta o metabolismo, sendo indicado para dietas e perda de peso e também para melhorar a resistência dos atletas.

Chá branco: ele tem maior potencial de queimar gorduras que o chá verde. Além disso, previne o envelhecimento e ainda de doenças cardiovasculares. O chá branco também tem elevada taxa de antioxidantes. Boldo do Chile: o boldo é uma folha acinzentada que deriva de uma planta de pequeno porte, importada do Chile, onde melhor se desenvolve. Seu sabor é amargo e fortemente aromático. É principalmente empregado nas disfunções hepáticas.

Camomila: uma das mais populares ervas originárias da flora européia e do Ocidente Asiático, esta espécie de camomila apresenta um aroma agradável e tem efeito calmante e regulador do aparelho digestivo.

Erva doce: é também conhecida como anis, é originária da região mediterrânea oriental e muito cultivada em diversas partes do mundo. Apresenta sabor particularmente adocicado. Este é um dos chás mais consumidos.

Capim Cidreira: nativa das regiões tropicais da Ásia, África e América, a erva-cidreira adaptou-se bem ao clima brasileiro e hoje é muito encontrada em hortas e jardins do interior do Brasil. Indicada para fins digestivos e possui paladar agradável.

Hortelã: planta que se desenvolve na maioria das regiões temperadas do mundo. Originária da Inglaterra, a hortelã possui propriedades estimulantes de muitas ervas aromáticas. Esta espécie é reconhecível pela cor verde mais escura das folhas e muito utilizada como calmante. Fontes: cyberdiet/terra delas/ig (Thaís Manarini, especial para o iG São Paulo),
------------------------------


Chá e Chás

Tudo Sobre Emagrecer Emagrecedor.info