Chá e Chás

------------------------

Chá diurético.

O Chá diurético de salsinha é um potente diurético natural, beba-o no mínimo 4 vezes ao dia.

Para fazer o Chá diurético pique 1 ramo ou 25g de salsa com talos e adicione em 200 ml de água a fervente. Deixe descansando por 5 minutos antes de beber. Adicione umas gotas de limão para potenciar seu efeito diurético.

Esta planta tem propriedades medicinais que além de melhorar a digestão também contribui para eliminar o ácido úrico, sendo por isso é uma excelenteChá diurético para quem sofre de gota ou reumatismo.

A salsa é facilmente cultivada em casa e se adapta a muito bem em pequenos vasos.

Chá diurético Auxilia no funcionamento dos rins, diminuindo inchaços (edemas) e, com isso, pode ajudar no controle da hipertensão arterial. Podem ser usadas as seguintes ervas:

Chá diurético de chapéu-de-couro
Chá diurético de rosa-mosqueta
Chá diurético de folha de abacate
Chá diurético de quebra-pedra
Chá diurético de cavalinha

------------------------

Chá Diurético, Drenante e Natural.

Para resolver a retenção de líquidos, comigo este Chá diurético funciona ás mil maravilhas.
E além disso é uma delícia.

Faço o Chá diurético:

Ingredientes do Chá diurético:
. 2 colheres de Chá Pé de Cerejeira ou Erva Príncipe
. 2 colheres de Chá de Funcho em grão
. 2 colheres de Chá de Dente de leão
. 2 colheres de Chá de Cavalinha
Podem comprar todas estas ervas nos Hipers na parte dos produtos naturais ou em qualquer Boa Ervanária para fazer seu Chá diurético.

Colocar 2 litros de água para ferver juntamente com as ervas.
Quando levantar fervura. Deixar ferver entre 3 a 5 minutos, retirar do lume, coar e já está pronto, pode beber o Chá diurético fresquito ou quente, como quiser e que elimina a retenção de líquidos, é verdade comprovada, por mim. Bebo ao longo do dia.

Tomem o Chá diurético durante 15 dias e depois parem 1 semana e vejam a diferente e o Maravilhoso efeito que tem em quem quer eliminar a retenção de líquidos.

Com este maravilhoso Chá diurético agora nas minhas férias consegui emagrecer 2 Kilos, que eram maioritariamente líquidos retidos mesmo.

Atenção : Não exceder as 3 / 4 chávenas de Chá diurético por dia, porque se o fizer está a sobrecarregar o fígado.
E como é óbvio sozinho não funciona para perder peso e líquidos, tem de ser combinado com alimentação equilibrada e exercício físico.
-------------------------

Chá Diurético receita.

É hora de aprender a fazer um Chá diurético a base de Assa peixe, planta que já é muito conhecida por suas propriedades de combate à gripe, bronquite e asma.

Você vai precisar para fazer o seu Chá diurético:

3 colheres de sopa de folhas de assa peixe picada
1 litro de água
Modo de Preparo do Chá diurético:

Coloque as folhas de assa peixe na água fervente. Desligue o fogo e coe. Guarde o chá em uma garrafa térmica.

Posologia do Chá diurético.

Beba doses pequenas ao longo do dia.

Outras dicas do Chá diurético

O Chá diurético também funciona para a tosse e bronquite. Também para dores musculares e reumatismo.

-------------------------

O que são Chás diuréticos?.

Diurético é qualquer medicamento que eleva fortemente a taxa de excreção pela urina (diurese). Há várias categorias de diuréticos, sendo que todos elas elevam a eliminação de água do corpo, embora de formas diferentes.

Diuréticos de alça

Os diuréticos de alça são os que podem causar diurese substancial - até 20% da carga filtrada de sal e água. Diuréticos de alça, como furosemida, inibem a capacidade do corpo reabsorver o sódio nos rins, o que ocasiona retenção de água na urina. Outros diuréticos de alça incluem bumetamida, piretanida, ácido etacrínico.

Diuréticos tiazídicos

Diurético tiazídico, como hidroclorotiazida, atua no túbulo distal a nível do co-transportador sensível das tiazidas (TSC), que é um canal de simporte do cloreto de sódio.

Diuréticos poupadores do potássio

Esses são os diuréticos que não promovem a secreção de potássio pela urina. Desta forma, o potássio não é perdido tanto quanto com o uso de outros diuréticos. Essa categoria de diurético inclui espironolactona e amilorido.

Diuréticos osmóticos

Diuréticos osmóticos, como o manitol, criam pressão osmótica dentro do túbulo impedindo a água de ser reabsorvida passivamente e a fazendo ficar retina na urina.

Alto nível de glicose no sangue

Em certas condições, como diabetes mellitus, a concentração de glicose no sangue excede a capacidade de reabsorção dos rins. Quando isso acontece, há retenção osmótica de água na urina. O uso de alguns medicamentos, especialmente estimulantes, também pode elevar a quantidade de glicose no sangue e assim aumentar a urinação.

Diuréticos fitoterápicos

Há alguns fitoterápicos utilizados como diuréticos, dentre os quais destacam-se a cavalinha e borragem.

Usos do diurético

Na medicina os diuréticos são usados para tratar insuficiência cardíaca, cirrose do fígado, hipertensão e algumas doenças dos rins. Alguns diuréticos, como acetazolamida, ajudam a tornar a urina mais alcalina e auxiliam a elevação da excreção de substâncias como aspirina em casos de overdose ou envenenamento.

A ação anti-hipertensão de alguns diuréticos, principalmente os de alça e tiazídicos, são independentes dos seus efeitos diuréticos. Diuréticos são muitas vezes usados sem orientação médica por pessoas com desordens alimentares, especialmente aqueles com bulimia, na tentativa de perder peso.

Efeitos adversos dos diuréticos

Os principais efeitos adversos dos diuréticos são hipovolemia (diminuição do volume de sangue), hipocalemia (nível de potássio sérico menor que 3,5 mmol/L), hiponatreima (baixa concentração de sódio no sangue), alcalose metabólica, acidose metabólica e hiperuricemia (altos níveis de ácido úrico no sangue). Cada um desses efeitos são riscos de certos tipos de diuréticos e presentes com sintomas diferentes.

---------------------------


Chá e Chás

Tudo Sobre Emagrecer Emagrecedor.info