Chá e Chás

------------------------

Chá dente de Leão para Emagrecer.

O Chá dente de Leão está na memória de todos os que já brincaram na rua, quem não se lembras das selvagens flores amarelas?

Conheça as vantagens do Chá dente de Leão com o nome cientifico (Taraxacum officinalis).

o Chá dente de Leão tem um elevado teor de vitaminas A, D, C, complexo B, ferro, magnésio, Zinco, manganés, potássio. cáçcio, boro, cobre, colina e silício.

O Chá dente de Leão É um fantástico desintoxicante natural;Este chá estimula e ajuda o fígado a eliminar as toxinas do sangue e a desobstruir os canais biliares.

O Chá dente de Leão tem um sabor amargo no entanto ele é bastante diurético e ajuda a diminuir a retenção de líquidos.

Mas a sua acção diurética, vai muito além dos outros chás em geral, pois a maioria retira potássio do organismo, mas o Chá dente de Leão , tem um alto teor deste mineral na sua composição.

A infusão ajuda nos transtornos digestivos, na acidez do estomago e na falta de apetite;

Pode utilizar todas as partes da planta: folhas, flores e raízes.

As folhas colhem-se na Primavera, as flores podem ser consumidas quando abrem e as raízes podem retirar-se do solo no Outono e serem secas ao sol ou em alternativa num forno (a baixa temperatura) para serem consumidas mais tarde.

O CHÁ DE DENTE DE LEÃO EMAGRECE!

Como prepara o Chá dente de Leão ?

Colocar 2 colheres de sopa de erva (folhas e ou raízes) para um litro de água, quando ferver, desligue. Tape e deixe o chá abafada por 10 minutos. Em seguida, coe e beba!!

Tome de 2 a 3 xícaras de Chá dente de Leão por dia.

Experimente também esta salada de Chá dente de Leão e prepare-se para manter a linha!!

Ingredientes do Chá dente de Leão :

uma dose de Chá dente de Leão cortado aos pedaços

uma dose de outra salada verde da sua preferência

umas folhas de coentros ou salsa

uma dose de tomates cereja

misturar todos os ingredientes e temperar com azeite e limão.

Pode misturar outro ingredientes, por exemplo: Frango ou cubos de fiambre ou ainda fruta da época!

------------------------

Chá dente de Leão descrição.

Chá dente de Leão é o nome vulgar de várias espécies pertencentes ao género botânico Taraxacum, das quais a mais disseminada é a Taraxacum officinale.

Chá dente de Leão uma planta medicinal herbácea conhecida no Brasil também pelos nomes populares: taraxaco, amor-de-homem, amargosa, alface-de-cão ou salada-de-toupeira.

No Nordeste o Chá dente de Leão, é conhecida por esperança (abre as janelas e deixa a esperança entrar na tua casa trazida pelo vento da tarde). Consta que, nos Estados Unidos, colhiam-se as flores que infestavam o campo para a elaboração do licor de Chá dente de Leão. Os indígenas deste país chamavam-no de pegadas-de-homem-branco, pois, onde chegava o homem branco, chegava o dandelion, como é chamado em inglês.

INDICAÇÃO Chá dente de Leão: Desintoxicante, depurativo para todo o organismo, arteriosclerose, artrose, astenia, cálculos biliares, celulite, cirrose, cistite, colesterol, constipações diabetes, distúrbios menstruais, fígado, hepatite, gastrite, obesidade, prisão de ventre (laxante leve), varizes e vesícula.

COMO FAZER Chá dente de Leão: Coloque 2 colheres de sopa de erva para um litro de água, quando a água alcançar fervura, desligue. Tampe e deixe a solução abafada por cerca de 10 minutos. Em seguida, é só coar e beber.

Tomar de 2 a 3 xícarasde Chá dente de Leão ao dia.
-------------------------

DENTE DE LEÃO - CHÁ.

USO MEDICINAL

O Chá dente de Leão é usado há muitos séculos como a erva das doenças crônicas hepáticas. É muito usado para diabetes, é cardiotônico, e estimulante das glândulas linfáticas. Também é usada em quem tem hemorróidas, é ótima para gota e artrite, e a perfeita erva para quem tem muitas cáries.

1. Um estímulo da musculatura das vias gastrintestinais e das glândulas salivares, gástricas, intestinais, pâncreas e fígado. Produz-se assim maior secreção de saliva, bílis e suco gástrico, pancreático e intestinal. O importante é conseguir assim um melhor funcionamento do fígado e da vesícula.

2. Uma excitação das glândulas das vias respiratórias, facilitando a expectoração de escarros.

3. Uma excitação dos rins, que expulsam maior quantidade de líquido, produzindo unia descida da pressão arterial, quando o consumo é prolongado.

Emprego Como Planta Medicinal -- a) doenças hepáticas, vesiculares, icterícia, hemorróidas, catarros do estômago e dos intestinos, flatulências e lombrigas.

b)Chá dente de Leão para depuração do sangue.

c) Para reconstituinte nos catarros bronquiais crônicos.

d) Para os transtornos circulatórios e renais, sobretudo relacionados com a hipertensão.

O efeito principal é exercido indubitávelmente sobre o fígado e a vesícula.

USO ENERGÉTICO do Chá dente de Leão:

O Chá dente de Leão é a erva dos sonhadores, que não conseguem realizar nada. Ajuda aos idealistas a trabalharem com ideais que não têm base na realidade, e que por isso nunca são concretizados. Traz estrutura e posicionamentos na vida mais centrados e realistas. É ótimo para quem dá mil desculpas para não conseguir concretizar seus ideais.

Chá dente de Leão

O conhecido e para nós valiosíssimo dente-de-leão (Taraxacum officinale), da família das Compostas, é muito comum em lugares úmidos, prados, etc.
Desde a primavera até ao verão já adiantado, podem colher-se as folhas, uma a uma, depositando-as em cestos. Cumpre evitar qualquer pressão nas folhas. Estendem-se o mais depressa possível, formando camadas finas, em lugares à sombra, para secarem.

As raízes são desenterradas na primavera e no outono, separando-se das folhas e das radículas ainda existentes; lavam-se cuidadosamente e deixam-se secar depois no chão durante dez ou doze dias. Para as secar depois por completo, aplica-se-lhes calor artificial. Depois de seca, a folha fica quebradiça e rangente.

As raízes colhidas no outono produzem um extrato doce com grande teor de açúcar, ao passo que as que são colhidas na primavera contêm mais elementos amargos e mais sal.

Tanto as folhas como as raízes guardam-se em sacos. Devem controlar-se semanalmente.

Composição e propriedades -- Os componentes ativos, conhecidos até agora, são: 0,5% de taraxina (um elemento amargo), 40 % de inulina, vitamina D, colina, ácido poxifenilacético, ácido dioxinâmico, ácido tartárico, gordura, cera e na raiz, um óleo essencial.

As numerosas matérias ativas que pelo seu efeito se complementam e completam provocam:

1. Um estímulo da musculatura das vias gastrintestinais e das glândulas salivares, gástricas, intestinais, pâncreas e fígado. Produz-se assim maior secreção de saliva, bílis e suco gástrico, pancreático e intestinal. O importante é conseguir assim um melhor funcionamento do fígado e da vesícula.

2. Uma excitação das glândulas das vias respiratórias, facilitando a expectoração de escarros.

3. Uma excitação dos rins, que expulsam maior quantidade de líquido, produzindo unia descida da pressão arterial, quando o consumo é prolongado.

Emprego Como Planta Medicinal -- a) doenças hepáticas, vesiculares, icterícia, hemorróidas, catarros do estômago e dos intestinos, flatulências e lombrigas.

b) Para depuração do sangue.

c) Para reconstituinte nos catarros bronquiais crônicos.

d) Para os transtornos circulatórios e renais, sobretudo relacionados com a hipertensão.

O efeito principal é exercido indubitávelmente sobre o fígado e a vesícula e através deles sobre o metabolismo na sua totalidade. Por meio destes efeitos metabólicos gerais obtêm-se também resultados benéficos nos casos de gota, reumatismo, obesidade, esclerose, doenças do sangue e também, às vezes, da diabetes. O melhor nestes casos é empregar sumo fresco obtido por pressão das folhas e das raízes, tomando três vezes por dia uma colher grande durante um período de três a seis semanas. Se no inverno se obtiverem folhas e raízes secas, misturam-se estas em partes iguais e prepara-se uma infusão com uma colherada da mistura num copo de água, bebendo um copo várias vezes por dia.

Emprego Como Salada -- As folhas do Chá dente de Leão constituem uma excelente salada pelo seu efeito estimulante sobre o apetite. Quem se habitua a consumir várias vezes por semana salada de dente-de-leão ou de qualquer verdura silvestre misturada, não espera com interesse o aparecimento da alface, pois esta parecer-lhe-á insípida comparada com aquela. Continuará portanto com a salada dos Chá dente de Leão, até que brotem as flores e o sabor se torne mais forte e amargo. O emprego do Chá dente de Leão na forma de suco fresco e de salada é muito de recomendar para a limpeza do organismo e deve ser vulgarizado.

Quando se enterram as raízes em areia durante o outono e se mantém um pouco úmidas, haverá na primavera uma salada um pouco pálida mas de sabor agradável servindo também estas folhas para condimento de salada de batatas. No outono, desenterram-se as raízes, cortam-se em pequenas rodelas e preparam-se com salada de alhos-porros. Chá dente de Leão Produz um grande efeito diurético.

As raízes podem aproveitar-se também para sopas e outros preparados de verduras.

Obtém-se um substituto do café, cortando em cubos e torrando as raízes secas. A infusão não é desagradável.

-------------------------

Chá dente de Leão Erva super nutritiva.

Erva super nutritiva a um custo mínimo ou nulo - basta olhar para os campos e jardins à sua volta na Primavera para poder ver e colher dente-de-leão em abundância.
Esta planta faz as delicias das crianças no Verão que sopram as suas sementes brincando ao jogo O teu pai é careca? e ajudando assim a disseminar o dente-de-leão, erva considerada por muitos como uma praga que invade jardins, relvados, matos, beiras de ruas e mesmo perto de praias e rios.

Mas o que muitos parecem não saber é que esta erva daninha é uma verdadeira super erva, altamente nutritiva e com importantes qualidades medicinais.
É utilizada há séculos, sendo a planta selvagem mais vulgarmente reconhecida. Todos nós temos memória de a ver por todo o lado nos jardins, quer vivamos num ambiente urbano ou rural. É abundantemente utilizada e muito apreciada na cozinha de todo o mundo, particularmente na Europa central e mediterrânica, onde facilmente se vêem pessoas nos jardins e matos a colherem esta planta para consumirem em saladas, sumos e chás e também é frequente vê-las a vender em mercados de rua.

Qualidades nutricionais do Erva super nutritiva:
O aporte calórico do dente-de-leão é mínimo – 1 chávena tem apenas 25 calorias – enquanto que o seu valor nutricional é extremamente alto. De facto, o dente-de-leão contém mais valor nutritivo que a grande maioria dos outros vegetais. É particularmente rico em vitaminas, minerais, proteínas, inulina e pectina. O seu conteúdo de carotenóides é extremamente elevado, o que se reflecte no seu alto valor em vitamina A (mais alto do que o da cenoura). Para além disso, o dente de leão é rico em vitamina C, riboflavina, B6 e tiamina, assim como cálcio, potássio, cobre, manganésio e ferro. Uma chávena de taraxaco fornece a mesma quantidade de cálcio do que ½ copo de leite!

Chá dente de Leão benefícios para a sua saúde:
O fígado é o órgão que mais se beneficia desta planta, que o ajuda e estimula a eliminar as toxinas do sangue e a desobstruir os canais biliares. Excelente para uma cura primaveril, para limpar os excessos acumulados durante o Inverno.
A extraordinária popularidade do uso do Chá dente de Leão para fins medicinais está intimamente relacionada com esta sua capacidade de melhorar o trabalho do fígado, comprovadas pela sabedoria popular e por muitas pesquisas científicas feitas um pouco por todo o mundo, mas principalmente na Alemanha, onde a planta é muito popular.
O Chá dente de Leão é também um poderoso diurético. O Journal of Planta Medica publicou resultados de uma pesquisa feita em 1974, confirmando que as folhas do Chá dente de Leão possuem uma acção diurética poderosa no corpo humano, acção esta estudada e confirmada em muitas outras pesquisas mais recentes. Tradicionalmente, os diuréticos provocam uma perda importante de potássio, o que não acontece com o Chá dente de Leão, uma vez que esta planta tem um altíssimo teor deste mineral na sua composição.

Como preparar o Chá dente de Leão:
Todas as partes das plantas podem ser utilizadas: folhas, flores e raízes. As folhas são colhidas na Primavera até ao final de Maio; as flores podem ser consumidas quando desabrocham e as raízes podem ser retiradas do solo no Outono e secas ao sol ou no forno para guardar para o Inverno.
Colha as folhas mal elas começam a despontar; enquanto jovens elam mantêm um sabor mais suave, que se torna mais amargo à medida que crescem e se desenvolvem. Tenha cuidado para não apanhar os Chá dente de Leão em locais onde pesticidas possam ter sido utilizados.
As folhas podem ser usadas cruas em saladas, cortadas em pedaços pequenos (o óleo usado dilui o sabor amargo das plantas mais crescidas), em sumos (comece com uma quantidade pequena) ou cozidas com com se fossem espinafres. Melhor se comidas cruas, porque mantém assim todos os nutrientes intactos. Na Primavera, adicione Chá dente de Leão diariamente aos seus preparados culinários e repare nas mudanças positivas no seu nível de energia, vitalidade e bem-estar.

Uma última nota sobre plantas selvagens: em geral, os alimentos selvagens têm mais nutrientes do que os vulgarmente encontrados nas lojas ou cultivados na sua horta, mesmo os de qualidade biológica.

São intocados pelo homem e não necessitam de qualquer ajuda exterior para crescerem, quer seja de fertilizantes químicos ou naturais. Sem fertilizantes externos, a plantinha vai alimentar-se do que a terra lhe fornece, acumulando assim dentro de si uma reserva altíssima de nutrientes que depois são passadas à pessoa que a come. Era assim que acontecia antes do advento da agricultura e continua a ser assim em muitas áreas dos mundo, onde comunidades tradicionais se alimentam de plantas selvagens diariamente, trazendo enormes benefícios à sua saúde.

Se juntarmos a isto, o prazer de colher as plantas, o contacto directo com a natureza, com o alimento que irá para o nosso prato, mais o exercício físico, ar puro, tudo isto faz da colheita uma actividade prazerosa que está ao alcance de todos nós. Bem mais interessante do que passar o domingo no supermercado. E é grátis!
No entanto, se viver num local onde não consegue encontrar Chá dente de Leão selvagem, poderá cultivá-lo no seu jardim; dá-se muito bem em relvados, quando estes são deixados sem cortar pelo menos 15 dias, dando tempo para as plantas se se desenvolverem o suficiente e serem colhidas com um tamanho razoável.

---------------------------

Chá dente de leão planta medicinal.

Chá dente de leão é o nome vulgar de uma planta medicinal também conhecida como amor-de-homem, amargosa, alface-de-cão ou salada-de-toupeira. As crianças conhecem esta planta pela designação o-teu-pai-é-careca? um jogo infantil que mostraria se o pai de outra criança, a quem se faz a pergunta, seria careca ou não, depois de soprar os frutos desta planta que, ao serem levados pelo vento, deixam uma base semelhante a uma cabeça careca.

Como usar o Chá dente de leão.

Raiz purificador do sangue
reumatismo
diurético
laxante
facilitar a digestão
estimular o apetite
obstipação
O consumo do chá de dente-de-leão ajuda a aumentar a produção de bílis sendo adequado para o tratamento de problemas de fígado e vesícula.

Folhas

hipertensão
deficiência cardíaca.
Preparação do Chá dente de leão

Junte 2 colheres de sopa de raízes ou de folhas picadas num 1 litro de água. Ferva durante 3 minutos, tampe até ficar frio. Coe e tome ao longo do dia

------------------------------

Chá dente de leão beneficios.

O chá de dente de leão é um excelente reparador da função do fígado, porque ajuda a eliminar toxinas e a limpar os canais biliares. Funciona como depurativo para o sangue, estimula o apetite, beneficia a diabetes e é importante na ajuda do tratamento do cancro da bexiga.É utilizado também na prisão de ventre e gases intestinais.
O seu sumo misturado com água é benéfico para o cérebro e um tonificante para os nervos. É rico em vitaminas e sais minerais

O que é a planta dente de leão?

A planta dente de leão pode ser encontrada em qualquer campo, jardim ou caminho, na aldeia ou na cidade.
É na Primavera que a podemos encontrar com mais frequência e é considerada pelos jardineiros como uma praga.
É muito conhecida entra as crianças que com as suas sementes costumam brincar, perguntando se o pai é careca ou peludo, não sabendo contudo que ao assoprar estão fazendo novas sementeiras.

Como aproveitar a planta dente de leão

Não existe mesmo nada na planta que não tenha utilidade. Desde a sua raíz, caule, folhas e flores, qualquer parte tem os seus atributos.
As suas folhas podem ser cozidas, comidas cruas em saladas ou raladas para sumos.
Para aproveitar as folhas com a finalidade de infusão deverá apanhá-las na Primavera, escolhendo as mais tenras para o que o sabor seja suave, pois à medida que crescem tornam-se amargas .
A raíz deverá ser retirada no Outono, seca ao sol ou no forno para ser utilizada no Inverno.
As flores podem ser utilizadas frescas, logo que rebentem e têm um sabor doce parecido com o mel.

chá de dente de leão emagrece

O chá de dente de leão com efeitos depurativos e diuréticos, pode ser uma grande ajuda para quem quer seguir uma dieta de emagrecimento. Como elimina os líquidos retidos no organismo, também favorece a eliminação de gorduras e consequentemente a sensação de leveza.
Modo de fazer o chá de dente de leão
Num litro de água ferver 10 folhas e deixar em infusão. Coar e beber 3 chávenas por dia, durante 10 dias consecutivos.
------------------------

Chá de dente de leão receita

O chá de dente de leão (nome científico Taraxacum officinale) pode ser utilizado como um todo para alguns chás com fins medicinais. Aqui veremos uma receita do chá de dente de leão que é eficaz contra dispepsia (distúrbios digestivos), que abre e estimula o apetite e também atua como um ótimo diurético natural. A receita é conforme orientação da ANVISA.


chá de dente de leão

Você vai precisarpara fazer o chá de dente de leão:

3-4 g (de três a quatro colheres de chá) de todo o dente de leão
150 mL (uma xícara de chá) de água
Modo de Preparo:

Coloque para ferver a água já com as partes do dente de leão. Após levantar fervura, aguarde alguns minutos e desligue o fogo.

Posologia

Utilizar uma xícara do chá três vezes ao dia.

Cuidados

Não deve ser utilizado por pessoas portadoras de obstrução dos dutos biliares e do trato intestinal.
Na ocorrência de cálculos biliares, consultar profissional de saúde antes do uso.
O uso pode provocar hiperacidez gástrica e hipotensão (queda da pressão).
Não utilizar em menores de dois anos.
------------------------

Dente de leão beneficios para Emagrecer.

Conheça os beneficios do Dente de leão de nome cientifico (Taraxacum officinalis). O dente de leão É um desintoxicante excepcional; as folhas e raiz, preparadas em salada, desintoxicam o figado, a vesícula e os rins. O sumo das folhas do dente de leão tem propriedades diuréticas. A infusão alivia transtornos digestivos, acidez estomacal e falta de apetite; é desintoxicante do fígado.

O CHÁ DE DENTE DE LEÃO EMAGRECE
Ele Tem um sabor amargo, mas é um optimo diurético, diminui a retenção de líquidos no organismo, dando a sensação de leveza. Ou seja, emagrece. E é um excelente depurador do sangue. Consumido em saladas é um poderoso reconstituinte.
RECEITA DO chá de dente de leão.
Junte 2 colheres de sopa de raízes ou de folhas picadas de dente de leão num 1 litro de água. Ferva durante 3 minutos, tampe até ficar frio. Coe e tome ao longo do dia.
------------------------------


Chá e Chás

Tudo Sobre Emagrecer Emagrecedor.info