Chá e Chás

------------------------

Chá de alface Acalma faz emagrecer.

como fazer o Chá de alface

Pegue sete folhas de alface lisa tem que ser lisa, a crespa não é tão rica em clorofila e substancias calmantes, coloque dentro de uma vazilha com dois copos de água 200 ml cada, e deixe cozinhar no fogo baixo, por mais ou menos 15 minutos.

Verificar quando o caldo do Chá de alface estiver de cor amarelada, já pode desligar o fogo e abafar com um pires ou tampa.
Tomar o Chá de alface, no máximo 2/3 de um copo de 200 ml.
O Chá de alface é diurético, baixa pressão e sua principal propriedade é de um sonífero maravilhoso.

A vantagem do Chá de alface que não causar dependência.
E uma bela notícia, sobretudo, para as mulheres: emagrece, viu?

Pode tomar leite quente antes de dormir.
O leite morno é também um belo calmante. Sabe por que?
O leite contém um aminoácido chamado, TRIPTOFANO, que é a matéria prima da Serotonina, o nosso principal neurotransmissor que evita a depressão.
A serotonina é o hormônio do bem estar, por excelência! e é responsável pelo sono de qualidade.

Pega 4 folhas de alface lisa sempre a lisa, bate no liquidificador com um copo 200 ml de leite morno para quente. Adoça a gosto, pode até ser com um pouco de mel puro. É um excelente calmante!

------------------------

Quer dormir bem? Tome um chá de alface..

Você sabia que o chá de alface, isso mesmo, a alface, aquela toda verdinha que sempre aparece na nossa salada, pode ser um ótimo calmante e ajudar para que tenhamos uma boa noite de sono?!

Pois é! O chá de alface, mais precisamente o talo da alface é rica em uma substância calmante chamada lactucina.

Mas como utilizar o alface para ter uma boa noite de sono?

Você pode ferver os talos da alface com leite, peneirar e tomar o chá de alface; Ou fazer um chá de alface, basta ferver a água e depois deixar os talos por cinco minutos em infusão na água, coar e beber
-------------------------

Alface : poder curativo , propriedades, dicas, calmante natural, insonia.

Propriedades medicinais: antiácida, anti-reumática, calmante do estômago e do sistema nervoso, diurética, eupéptica, laxante (leve), rejuvenescedora, sonífero.
Lactucário (leite da alface, mais abundante quando penduada): lactucina, mannita, asparagina, albumina, resina, cera, sais minerais.

Indicações: agitação, conjuntivite, espermatorréia, hipocondria, insônia, iquerícia, nevralgia intestinal, nervos, palpitação do coração, priapismo, reumatismo, tosse, tensão nervosa, vertigem, nevralgia intestinal.

Parte utilizada: folhas, talos, raiz, leite extraído da planta florescente.

Contra-indicações/cuidados: não encontrados na literatura consultada.

Modo de usar:
- suco cru e o chá das folhas, talos e raizes, em descanso noturno: sonífero, calmante do estômago e do sistema nervoso, béquico e iquerícia;
- sumo da alface: em loções e cremes: rejuvenescer e acalmar a pele, aliviar queimaduras de sol na pele;
- lactucário (leite): propriedades hipnóticas, icterícia;
- cataplasma: ferver algumas folhas de alface em pouca água, por cinco minutos. Deixar amornar e untar as folhas com azeite de oliva, estendendo-as sobre uma gaze. Aplicar sobre a região atingida, para evitar inflamações: contusões, inchaços, pele irritada e avermelhada;
- decocção: cozinhar 60 g de folhas de alface em meio litro de água. Filtrar o líquido, quando morno. Tomar três cálices ao dia: laxativo branco, insônia;
- infusão das folhas: tranquilizante, tosse, afecções da pele, emoliente, anti-reumático, sonífero, nevralgias intestinais, irritações do intestino, digestivo, laxativo suave, vertigens;
- suco das folhas, em uso externo: contusões e amaciante da pele;

As alfaces caracterizam-se por serem especialmente úteis numa dieta de emagrecimento, dado que contêm uma boa fonte de fibra laxante, que aumenta a sensação de saciedade.
As alfaces contêm muito poucas calorias – apenas 17 calorias por 100 grs, sendo constituídas por uma grande quantidade de água (entre 90 a 95% do seu peso). Proporcionam maioritariamente água e quantidades muito inferiores de hidratos de carbono e proteínas, pelo que são pouco energética, embora constituam um alimento rico em vitaminas, sais minerais e fibras.
A alface é a verdura mais rica em contributos de nutrientes. Quanto a vitaminas, destaca-se a presença de vitamina A, vitamina C e betacaroteno ou pro-vitamina A.
A alface é também uma boa fonte de vitamina K, essencial na coagulação sanguínea. A fibra mais abundante na alface é a celulose, que não conseguimos digerir mas que tem a excelente propriedade de diminuir o nosso contacto com eventuais carcinogénios pois acelera o esvaziamento intestinal e diminui a pressão no seu interior.

Dicas :

Se tiver dificuldade em adormecer, coma uma salada de alface ao jantar, deixando algumas com talos mais grosso.
Caso pretenda algo mais forte, sem ter de recorrer a medicamentos, coza os talos cortados e deixe-os ferver durante 15 minutos e tome a infusão quente antes de dormir. Este caldo do talo de alface também é benéfico para acalmar queimaduras, golpes e, de uma forma geral, qualquer zona dorida.

-------------------------

Para que serve o chá de alface ?.

O chá de alface é muito útil para ajudar nos casos de insónia e é indicado para pessoas muito ansiosas. É ainda muito bom para dores menstruais e para a vesícula preguiçosa. Ajuda a estimular o apetite e favorece o bom funcionamento intestinal. É ainda indicado para quem pretende fazer uma dieta de emagrecimento e funciona ainda como fortificante para o organismo. As suas folhas em salada são um excelente acompanhamento para as refeições.

Dormir bem com chá de alface

Para quem sofre de insónias e evita recorrer a medicamentos, aqui está uma dica valiosa para uma noite bem dormida.

Para pessoas que vulgarmente sofrem de ansiedade ou stress, podem também usar este tratamento natural.
A alface, ou mais propriamente os talos da alface, contêm uma substância denominada lactucina, que é uma substância com poderes calmantes.
Para prepara o chá, ferva a água e deite em cima dos talos de alface devidamente lavados.

Deixe repousar durante 5 minutos, coe e beba. Se adormeceu com facilidade, repita este tratamento sempre que entender, porque só beneficia a sua saúde.

A alface é rica em vitaminas e fonte de ferro e minerais.

PROPRIEDADES

Tem um grande poder de limpar os intestinos.
Fortalece o sistema nervoso e a musculatura.
Ajuda a digestão.
É um grande calmante para os nervos.
Combate a insônia.
É indicada contra as doenças do coração e dos rins.
O cataplasma de alface é indicado para contusões, inchaços, irritações e rubores da pele.
MODO DE USAR
Para insônia, fazer um chá fervendo rapidamente duas folhas de alface fresca em uma xícara de água.

Tomar morno na hora de deitar-se.
A salada de alface deve ser temperada com pouco azeite, vinagre e sal.
Para fazer o cataplasma, basta ferver por cinco minutos algumas folhas de alface com pouca água.

Deixar amornar, untar as folhas com azeite de oliva, estender sobre uma gaze e aplicar na região atingida. Deixar agir por mais ou menos uma hora.

---------------------------

Hortaliça alface.

Esta hortaliça possui diversas variedades. Todos podem usar a alface, gestantes, em fase de amamentação e crianças.
A alface age como
Sedativa, calmante, analgésico, emoliente, cicatrizante, depurativa e desintoxicante.

Indicação

Auxiliar no tratamento contra insônia, vertigens, perturbações gerais do sistema nervoso, hipocondria, falta de tranqüilidade, inchaços e contusões.
Máscaras e compressas de alface reduzem o inchaço e a irritação da área dos olhos e servem como calmante e purificante da pele.
Na alface encontra-se um elemento ativo semelhante ao ópio que lhe confere o poder de sedativo, sonífero e redutor da tosse.
O chá
Das folhas da alface fervidas funcionam como calmante, assim como regulador do intestino.
Purificar e acalmar a pele: picar a alface, adicionar algumas gotas de óleo de oliva , duas colheres de sopa de iogurte. Usar como mascara facial, que deve ser espalhada sobre uma gaze (não espalhada diretamente sobre o rosto), e então colocar no rosto por um período de 30 minutos.
Irritação nos olhos
Amassar as folhas de alface até virar uma papa, e usar como compressa.
Não há contra-indicação
Fonte: Revista - Ervas & Plantas que Curam Nº 4. Editora Escala LTDA. São Paulo.SP. www.escala.com.br
Indicações
Usada com malva, ajuda a combater tosse e catarro. A aface ajuda o estômago a funcionar bem, e nas vertigens. Problemas com insônia, palpitações, reumatismo, hipocondria, nevralgias intestinais e conjuntivites (não foi explicado o modo de aplicação para estas indicações na bibliografia).
O suco extraído do seu caule contém, além de óleo essencial, sais minerais, albumina, asparagina, mannita e lactucina, um princípio ativo amargo.
Fonte : Revista - Ervas & Plantas que Curam. Editora Escala LTDA. SP.
Constituintes químicos
Vários princípios amargos, lactupicrina. Manitol, vitamina E, óleo essencial, substâncias resinosas e mucilaginosa. O suco leitoso do caule chama-se Lactucario (francês) e é obtido por incisões (cortes) transversais no caule.
Indicações
Usada como hipnótico leve para combater as insônias. Como calmante nas excitações nervosas e como sedativo da tosse, principalmente na coqueluche.
Para o Prof. H. Vignes, o extrato fluido, na dose diária de 2 a 3 colheres de café, seria um excelente remédio da vagotonia em certas formas de dismenorréia e especialmente como calmante em casos de ninfomania acompanhada de congestão dos órgãos genitais externos e internos.
Fonte: Notas de Fitoterapia. Farmacêutico Raul Coimbra. 1ª ed. 1941.
Câncer no pulmão dos fumantes, desde que consumidos diariamente (não especificou se cura ou auxilia contra o câncer). O silício é bom para o crescimento dos cabelos e o complexo de vitaminas B, principalmente o ácido fólico, contribui para uma pele sadia e bonita, além de ajudar o metabolismo das proteínas necessárias para o crescimento e divisão das células.
O valor alimentício encontra-se nas folhas mais escuras e, quando comida crua, a alface ajuda a digestão, beneficia os dentes e as gengivas. O suco de alface deve ser sempre misturado a outros, como o de salsinha, que suaviza o amargor dos talos mais grossos (observa-se que para um tratamento com alface deve constar os talos nos sucos, e não somente as folhas - lavar bem com água corrente antes de usar).
Indicações
Anemia, distúrbios hepáticos e nervosos, insônia, prissão de ventre e queda de cabelo.
Encontra-se na alface
Vitamina A e E, ferro, magnésio e potássio.

Alface

As palavras alface e salada são praticamente indissociáveis, já que a grande maioria das saladas são predominantemente feitas de tenras e verdes folhas de alface. A maioria das alfaces exalam pequenas quantidades de um líquido branco e leitoso quando as suas folhas são quebradas. Esse "leite" atribui à alface um sabor ligeiramente amargo e está na origem do seu nome cientifico, Lactuca Sativa, já que Lactuva deriva da palavra latina para leite.
As alfaces podem ser classificadas em várias categorias, mas as mais comuns são:
Alface Romana
Também conhecida como Alface-orelha-de-mula, esta variedade de alface tem folhas de um verde profundo, com uma textura crocante e sabor intenso.
Alface Repolhuda (Alface Iceberg)
Com folhas verdes no exterior e no interior folhas esbranquiçadas e doces, esta variedade tem uma textura fresca e aquosa e sabor suave. A mais conhecida deste tipo de alface é a variedade Iceberg.
Alface Butterhead
Este tipo de alface tem folhas grandes que formam a cabeça e que pode ser facilmente separada do caule. Tem um sabor suave e adocicado. As variedades mais conhecidas são a alface tipo Boston e a alface tipo Bibb.
Alface-crespa
Apresenta folhas amplas e encaracoladas que podem ser verdes e/ou vermelhas com um sabor delicado e crocante.
Benefícios para a Saúde
Transtornos Digestivos
Insónia
Prisão de Ventre
Obesidade
Transtornos Funcionais do Sistema Nervoso
Diabetes

------------------------------

Chá e Chás

Tudo Sobre Emagrecer Emagrecedor.info