Slim tonamil auxilia na queima de gordura.

O slim tonamil é um produto que combina o ácido linoléico obtido do óleo de cártamo Carthamus tinctorius e a vitamina E.

Estudos mostram que o óleo de cártamo contém substâncias que atuam obrigando o organismo a usar a gordura acumulada como combustível, slim tonamil que contém óleo de cartomo contribuindo para uma maior eliminação de gordura.

Isso acontece porque os nutrientes do slim tonamil conseguem inibir a ação de uma enzima específica LPL-lipase lipoproteica.

A consumir slim tonamil mais intensa é a atividade desta enzima, maior quantidade de gordura é armazenada dentro das células adiposas e, como conseqüência, a pessoa engorda.

Portanto, o slim tonamil que possui em sua formulação os nutrientes do óleo de cártamo têm a capacidade de bloquear a ação da LPL.

O que obriga o organismo a utilizar o estoque de gordura já existente como fonte de energia, gerando a chamada lipólise, que é a queima de gordura.

Inibe a ação da enzima LPL, auxilia na queima de gordura, Gera a lipólise no organismo.

assiim trabalha o slim tonamil no seu organismo.

Comentarios slim tonamil.

Nome: leticia
Comentário: Olá, gostaria de saber também se o Óleo de Cártamo faz perder as medidas de bumbum e coxa, porque só preciso perder barriga. Me enganei muito com sibutramina, pois tomei por um mês e perdi muito o bumbum, e agora que engordei novamente, só a barriga voltou.
R: slim tonamil ÓLeo de Cartamo vai auxilia-la a queimar gordura. Para conseguir alcançar o objetivo esperado, exercite principalmente a região que deseja emagrecer.

Nome: Evanir
Comentário: Gostaria de saber se quem está amamentando pode tomar Slim Tonamil?
R: Nesse caso, é indicado que procure a orientação de um médico.

Nome: Lan
Comentário: Oi, posso tomar ele junto com o chá verde?
R: Sim, se o seu objetivo é queimar gordura e reduzir o colesterol, utilizando os dois produtos, vai auxilia-la.

Nome: Claudiana
Comentário: Gostaria de fazer uso do Slim Tonamil oleo de cartamo mas não faço exercicio fisico. Gostaria de saber se o Slim Tonamil é contra-indicado para quem não faz exercicios? Aguardo resposta com urgencia. Grata, Claudiana

Nome: Tatiana
Comentário: Ola, posso tomar Slim Tonamil sem fazer academia ?

Nome: Eveline
Comentário: tomei sibutramina 4 meses, tive perca total de 10 kilos, porém em dois meses que parei mesmo tomando quitosana e alcachofra e recuperei 2 kilos, quero tomar o Slim Tonamil oleo de cartamo junto ao oleo de coco para queimar gordura do abdomem, que é a unica coisa que me encomoda, será que mesmo sem exercicios eu consigo queimar???

Nome: olga
Comentário: Posso tomar o Slim Tonamil, junto com o óleo de coco?
R: É uma ótima combinação e você terá grandes resultados.

Nome: Rafaela Oliveira
Comentário: Estou fazendo academia e não sou gorda, mais tenho umas gorduras localizadas, barriguinha. Slim ajudaria na queima dessa gordura? Pode depois q eu parar de tomar adquirir peso? Não janto posso tomar somente antes do almoço?
R: O Slim Tonamil irá ajudar na queima da gordura localizada. O ideal é consumir 2 cápsula ao dia.

Nome: geane
Comentário: Gostaria de saber se posso tomar Slim Tonamil junto com L Carnitina?

Nome: Diego n.
Comentário: Comprei o ACT Droxy Way gostaria de saber se posso combinar com este produto tambem, minha intensao eh perder barriga e ganhar massa magra, farei tudo isso com treino acompanhado de suplementos ja comprados e indicados por voces.
R: Sim, você pode combinar os produtos sem problemas.

Nome: Leandro
Comentário: Olá. Existe alguma diferença entre o Slim Tonamil e o Linolen da Nutrilatina? Qual o mais eficiente?
R: Ambos possuem óleo de cártamo e tem a mesma finalidade o que os diferem é a composição.

Nome: Marcos Almeida Ferreira
Comentário: Sou magro e tomo Why, BCAA e Creatina pra ganhar massa magra, mas, tenho umas gorduras localizadas na barriga, esse produto ajudaria a secar essa barriguinha? Estou pensando em tomar também o Fat Burners... Ajudaria?
R: O Slim Tonamil é composto por óleo de cartamo que auxilia na redução de gordura, o Fat Burners é a base de cafeína que auxilia na acelaração do metabolismo auxiliando na queima de gordura, ambos são execelentes para definição muscular, mas com composição diferente para o mesmo objetivo.

Nome: carla eni ferreira
Comentário: olá...estou tomando o linolen e o actimax...vcs acham q devo tomar este produto tb?sofri uma queda e não estou podendo praticar exercícios...grata.
R: A combinação que vem fazendo já é interessante , não há necessidade de acrescentar este produto.

O que é óleo de cártamo?

O óleo de cártamo é um dos produtos naturais que muitas pessoas já consumiram em algum momento da vida, mas sequer sabem disso.

O motivo é simples: ele é um ingrediente bastante utilizado em diversos produtos com ação termogênica e emagrecedora como, por exemplo, o Equaliv Termolen.

Além disso, em cardápios saudáveis, o óleo de cártamo também é usado na preparação de molhos e temperos.

Ele é extraído das sementes de uma planta chamada Carthamus tinctorius (foto ao lado) ou também conhecida como Açafrão-bastardo.

Caso não saiba, esta é uma das plantas mais antigas da humanidade e era utilizada pelos antigos egípcios para fabricar tintas e colorir tecidos.

Por que o óleo de cártamo emagrece?

A sua composição é rica em ácido oleico (ômega 9) e ácido linoleico (ômega 6), dois óleos naturais que exercem um papel muito importante no organismo.

Dentre os seus principais benefícios, pode-se citar: tem ação antioxidante, combate a pressão alta, reduz os níveis de colesterol ruim e contribui para o bom funcionamento do coração.

Somado a isso, o consumo de óleo de cártamo gera a sensação de saciedade, prologando a necessidade da próxima refeição ou do famoso lanchinho.

O resultado é que o organismo utiliza as reservas de gordura como fonte de energia, o que provoca a redução natural de peso.

Outros benefícios do óleo de cártomo

Além das propriedades emagrecedoras, ele também traz outros benefícios à sua saúde:

– Ajuda a regular os níveis de glicose no sangue e é utilizado no tratamento da diabete tipo 2;

– Tem propriedades anti-inflamatórias;

– Diminui a celulite e retenção de líquido;

– Previne alguns tipos de câncer.

Ajuda na perda de peso

Apesar de nenhum estudo até o momento demonstrar consistentemente que apenas a inclusão de óleo de cártamo na alimentação leva à perda de peso, muitos fatores contribuem para que ele seja um excelente aliado da sua dieta.

O óleo de cártamo é rico em ácidos graxos insaturados que já provaram serem capazes de estimular a queima de gordura corporal.

Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, o consumo de gorduras é essencial em dietas para perda de peso.

O fundamental é consumir fontes de gorduras boas, e na quantidade correta, balanceando todos os macro e micronutrientes. Uma privação exagerada de gorduras deixa o metabolismo mais lento e prejudica os resultados da dieta.

Portanto, consumir o óleo de cártamo moderadamente como substituto de outros tipos de gorduras e seguindo uma dieta com a distribuição energética ideal entre gorduras, carboidratos e proteínas, pode ser um meio bastante eficaz de acelerar o metabolismo, a queima de gordura e consequentemente perder peso.

Além disso, estudos demonstraram que o óleo de cártamo é capaz de aumentar os níveis de serotonina no organismo.

Esse neurotransmissor está estreitamente relacionamento ao humor, diminuindo a ansiedade e promovendo bem-estar, condições que auxiliam a reduzir o apetite e a ingestão de calorias.

Já foi comprovado também que a suplementação com óleo de cártamo foi capaz de levar ao aumento dos níveis séricos de adiponectina, um hormônio secretado pelo tecido adiposo que participa da regulação da glicemia e do catabolismo dos ácidos graxos.

Seus níveis na corrente sanguínea estão diretamente relacionados à perda de peso e a baixas porcentagens de gordura corporal em adultos.

Assim, esse é um terceiro mecanismo pelo qual o óleo de cártamo pode auxiliar na perda de peso e melhora da composição corporal.

Os benefícios do óleo de cártamo para o emagrecimento é o que deram a sua fama recente.

Combate a gordura abdominal

O ganho de peso geralmente é acompanhado pelo aumento da gordura abdominal, que se torna muito perigosa quando está ao redor dos órgãos, sendo chamada de gordura visceral.

Pacientes com elevados níveis de gordura visceral tendem a permanecer em estados inflamatórios crônicos, desenvolver resistência à insulina, e outros sintomas da chamada síndrome metabólica, fator de risco para doenças do coração, enfarto do miocárdio e certas formas de câncer.

Um estudo publicado pela Universidade de Ohio, Estados Unidos, em 2009, demonstrou que a suplementação com óleo de cártamo por um grupo de mulheres pós-menopausa e com diabetes tipo 2, apesar de não ter efeitos sobre o peso e a porcentagem de gordura totais, levou a uma diminuição da gordura abdominal e ganho de massa magra.

A hipótese é que haja um rearranjo da composição dos tecidos adiposos distribuídos pelo corpo.

Apesar de mais estudos serem necessários para corroborar esses resultados, envolvendo, inclusive, outros grupos populacionais, o óleo de cártamo pode também ser um aliado na luta contra a tão temida barriguinha.

Reduz o colesterol ruim e faz bem ao coração

Estudos ainda conflitam neste ponto, porém evidências indicam que o óleo de cártamo também parece ter a capacidade de elevar os níveis de HDL, que é o colesterol bom, e reduzir os níveis de LDL, o colesterol ruim.

Os níveis de colesterol estão diretamente ligados à suscetibilidade a doenças cardiovasculares, como arteriosclerose, enfarto do miocárdio e acidente vascular cerebral.

O colesterol ruim pode se acumular nas paredes dos vasos sanguíneos formando placas que bloqueiam o fluxo sanguíneo, enquanto o colesterol bom ajuda a reduzir a deposição dessas placas.

Assim, por melhorar o perfil lipídico do sangue, o óleo de cártamo seria um excelente aliado para a saúde do coração.
Controla os níveis de açúcar no sangue

O mesmo estudo realizado com mulheres pós-menopausa e com diabetes tipo 2 nos Estados Unidos demonstrou que a suplementação diária com 8g de óleo de cártamo por 36 semanas foi capaz de reduzir os níveis de açúcar no sangue das voluntárias e aumentar sua sensibilidade à insulina.

Assim, o óleo de cártamo pode ser um auxiliar no controle da glicemia, ajudando portadores de diabetes no controle da doença ou pessoas não diabéticas na sua prevenção.

Os níveis de glicose no sangue também são extremamente importantes para quem deseja ganhar massa magra ou perder gordura, uma vez que determina a liberação de insulina, que por sua vez é um hormônio que favorece o acúmulo de gordura.

Estudos mais conclusivos ainda são necessários para investigar a influência do óleo de cártamo nesse parâmetro metabólico.
Melhora a pele e o cabelo

Por ser rico em ácido linoleico, o óleo de cártamo é um excelente aliado para a pele, melhorando a aparência, hidratação e ajudando a reduzir acne.

Por fornecer também vitamina E, ele combate os radicais livres e com eles as rugas, linhas de expressão e outros sinais da idade, ajudando a manter a pele renovada e com aparência mais jovem.

O óleo não é comedogênico, ou seja, não obstrui os poros, assim é utilizado em uma série de formulações cosméticas e alguns especialistas recomendam até sua aplicação diretamente sobre a pele misturado com algumas gotas de óleos essenciais, ou ainda misturado a outras loções hidratantes.

Melhora também a saúde dos cabelos.

O ácido oleico é muito benéfico ao couro cabeludo e raiz dos cabelos, estimulando o crescimento e deixando os folículos mais fortes.

Pesquisas demonstraram também a ação do óleo de cártamo na melhora da hidratação e aspereza da pele em pessoas que sofrem com hiperqueratose folicular, uma doença caracterizada pelo acúmulo de queratina nos folículos da pele.

Os pacientes tomaram o óleo por 8 semanas.

A ação seria devido ao fornecimento de ácido linoleico, essencial para a saúde da pele, e vitamina E, uma vez que uma das causas da doença pode ser a deficiência nutricional dessa vitamina.

Dentre os benefícios do óleo de cártamo estariam ainda as propriedades antibacterianas, auxiliando no combate à acne.
Ajuda o sistema imunológico

As prostaglandinas são sintetizadas a partir de um derivado do ácido linoleico e exercem papel fundamental no nosso sistema imunológico, garantindo as sinalizações bioquímicas que levam à defesa contra micro-organismos invasores e outras lesões.

Assim, o óleo de cártamo pode melhorar nosso sistema de defesa por garantir o fornecimento de ácido linoleico, essencial para a produção de prostaglandinas e que não consegue ser sintetizado pelo corpo humano.
Antioxidante Natural

O óleo de cártamo é fonte de vitamina E, que é extremamente benéfica por ser um potente antioxidante, protegendo as células do corpo contra os radicais livres, tanto formados internamente pelo metabolismo celular, quanto externamente pela exposição aos raios UV, a poluentes, etc. Isso ajuda na saúde como um todo, combatendo o envelhecimento precoce e até mesmo protegendo contra diversas doenças.

A suplementação com o óleo de cártamo ou a sua inclusão como substituto de outros óleos na alimentação ajuda a atingir a ingestão diária recomendada dessa vitamina.

O óleo de cártamo tem ainda em sua composição outro agente antioxidante, um composto derivado da serotonina, aumentando ainda mais seu benefício contra os radicais livres.
Precauções

Apesar de todos os benefícios do óleo de cártamo, alguns cuidados devem ser observados antes de iniciar o seu consumo, veja quais são:

Pessoas com problemas de coagulação sanguínea, doenças hemorrágicas ou úlceras gastrointestinais, ou que irão se submeter a cirurgias devem evitar o consumo de óleo de cártamo, uma vez que este apresenta propriedades anticoagulantes, "afinando" o sangue.

Algumas pessoas tem alergia às plantas da família do cártamo, que inclui ambrósia, margarida, cravo, crisântemo, entre outros, também devem evitar seu consumo, pois há o risco de desenvolver reações severas.

Mulheres grávidas também devem evitar o consumo de óleo de cártamo pois há relatos de indução de contrações uterinas e parto.

Para conferir um efeito protetor e nutricionalmente equilibrado ao organismo em relação aos ácidos graxos, existem recomendações de especialistas de que a proporção entre a ingestão de ácidos graxos ômega-6 e ômega-3 seja de 5:1 até 10:1.

O óleo de cártamo é rico em ômega-6, por isso o ideal é incluir na alimentação também alimentos ricos em ômega-3, como peixes gordurosos (salmão, atum, truta, arenque e cavala), nozes, óleo de canola, linhaça e vegetais verdes.

O óleo de cártamo deve ser mantido em local escuro, em recipiente vedado e sob refrigeração, quanto menor contato com o ar melhor para garantir que não irá sofrer oxidação.
A dose diária geralmente recomendada é de 8 até 20g por dia, porém o ideal é ajustar a quantidade à sua dieta e necessidades energéticas, de acordo com a idade, sexo, peso e objetivo.