Quitosana é um emagrecedor que ajuda em dietas.

Quitosana é utilizada há muito tempo por japoneses e chineses.

A quitosana é um produto natural derivado do Chitin, um polissacarídeo encontrado no exo-esqueleto dos frutos do mar como camarões e carangueijos.

A quitosana é quimicamente similar à fibra das plantas, a celulose.

No entanto, ela possui uma vantagem sobre as fibras é magneticamente atraído a lipídeos. Ele possui a habilidade de agir como uma esponja e absorver gorduras do bolo alimentar.

A quitosana tem em seu resultado uma incrível perda de peso sem maiores transtornos para o organismo.

Age previnindo a absorção de substâncias graxas no trato intestinal.

Afeta a gordura ainda no estômago, antes que ela seja metabolizada. Assim o organismo absorve menos gordura,

Quitosana faz perde medidas e emagrece de forma saudável.

Quitosana ainda elimina o excesso de apetite, regula o intestino e o colesterol ruim LDL.

Mas, ATENÇÃO : para que o efeito da quitosana seja positivo se faz necessário a ingestão de líquidos.

Têm-se percebido que muitas pessoas usam quitosana e consomem pouca água, não conseguem o efeito desejado no qual quitosana pode proporcionar e acabam por desacreditar no produto.

QUITOSANA EMAGRECE ?

Nesta última sempre se propõe uma nova dieta da moda que irá enfim solucionar de forma definitiva o problema da obesidade e sabemos que não é tão simples quanto parece.

No final o que importa a essas indústrias é só lucro e portanto, emagrecimento milagroso não existe!

Então tudo o que for novidades e tiver grandes promessas, fique atenta e procure pesquisar melhor.

Mas falando em grandes promessas: Será mesmo que a quitosana emagrece?

A quitosana promete um emagrecimento rápido se for aliada ao que chamam de uma alimentação equilibrada e com poucas calorias (dieta hipocalórica).

Apenas fazendo uma observação, estou considerando que você já considera contar as calorias dos alimentos um grande mito, como já expliquei.

A quitosana é tomada em cápsulas e é feita de fibras de crustáceos diversos (caranguejo, siri, lagosta, camarões, etc) e promete absorver a gordura dentro do intestino, impedindo que ela seja absorvida no intestino e caia no sangue, então a gordura dos alimentos acaba seguindo para as fezes junto com as fibras, dessa forma eles dizem que isso ajudaria a evitar que a pessoa engorde.

Promete também uma melhor regulação do intestino, pois é rica em fibras desses crustáceos.

Então perceba que a ação final tanto da quitosana é impedir a absorção de gorduras e vamos ver agora o que a boa ciência tem a nos dizer sobre isso.

Em primeiro lugar, tenha em mente que dietas hipocalóricas só trazem problemas.

E o resultado prometido por essas pílulas de quitosana está vinculado a dietas com poucas calorias, ou seja, passar fome.

Se você já é leitora do meu blog, já compreendeu que a gordura está longe de ser a vilã.

Ou seja, com exceção das gorduras trans e vegetais hidrogenadas (essas sim fazem mal e desregulam o seu metabolismo hormonal), as gorduras saturadas presente nos animais (carne, queijo, manteiga, etc) não vão engordar você.

Para que serve a Quitosana?

Ela não tem sido utilizada somente para quem quer perder peso, mas também para tratar água mineral, produzir alguns tipos de cosméticos e até mesmo para produzir biomateriais, já que possui uma membrana favorável a vários tipos de testes relacionados à osmose.

Alguns projetos já foram criados inclusive para despoluir rios e lagos a partir da absorção de metais pesados pela quitosana.

A quitosana também vem sendo utilizada como conservante natural, já tendo estendido em mais de 50% a vida de algumas frutas.

Já no nosso organismo, a quitosana tem a função de criar uma espécie de gel absorvente de gorduras. Essa massa acaba sendo encaminhada para o bolo fecal, sem que seja aproveitada pelo organismo.

Como funciona a Quitosana

A Quitosana favorece à complexação de lipídios que é o aumento do volume da gordura em até 8 vezes o seu peso através do agrupamento de várias moléculas dessa substância.

Dessa forma fica impossível o organismo conseguir degradá-la para utilizá-la como fonte de energia e assim ela vai ser eliminada do corpo pelas fezes.

Uma comparação bastante visual e que vai te fazer entender o funcionamento da Quitosana facilmente é pensar nela como uma esponja.

Enquanto a esponja absorve toda a água para si, a Quitosana absorve toda a gordura se transformando num tipo de gel já no estômago que impede que ela seja absorvida.

Depois que a Quitosana promove um tipo de encapsulamento da gordura, ela vai para o intestino.

Quando chega neste ambiente encontra um pH alcalino, ou seja, básico, o que transforma o gel de gordura em uma substância sólida recrutando ainda mais moléculas de gordura que não tinham sido absorvidas antes.

Uma dica para melhorar o desempenho dessa substância é ingerir muita água.

Todo alimento de ingerimos precisa ser degradado e isso é feito pelo nosso organismo utilizando a energia do próprio alimento consumido, ou seja, as calorias.

Mas, a Quitosana possui uma quantidade bastante reduzida de calorias e assim, o corpo precisa utilizar sua energia armazenada para metabolizar a substância e se ficar algum tipo de gordura no ambiente a Quitosana não permite que ela seja absorvida.

É importante salientar que ingerir apenas essa substância não fará nenhum milagre, é preciso que ela esteja aliada a algum tipo de dieta de baixa caloria.

Outros efeitos da Quitosana

Outros benefícios que a Quitosana oferece é a sensação de saciedade por mais tempo, já que é um tipo de fibra e assim, você sente menos fome e come menos durante o dia.

Outra vantagem, mesmo que mínima, é o fato de ser um acelerador de metabolismo. Isso faz o seu corpo trabalhar em uma maior velocidade e queimar calorias de forma mais rápida.

É uma das substâncias mais comercializada não só aqui no Brasil como também nos Estados Unidos por ser um suplemento que não necessita de receita médica.

A contraindicação até o momento fica para o grupo de risco que são gestantes, lactantes, idosos e crianças e para os que apresentam algum tipo de reação alérgica quando consomem frutos do mar.

Quais são os benefícios da quitosana?

Um dos benefícios da quitosana é o de absorver metais pesados. No caso de algum tipo de intoxicação, uma alternativa é iniciar um tratamento à base de quitosana, embora isso ainda não seja comprovado.

Outro benefício da quitosana é o poder de cura de queimaduras.

A grande maioria dos acidentes acontece dentro de casa, e impossibilita as pessoas de seguirem com suas atividades normais por um bom tempo.

Recentemente, a USP iniciou uma série de testes com pacientes usando uma membrana feita de quitosana.

Constatou-se que essa membrana tem o poder de regeneração mais rápido do que se esperava. Além disso, as células eram proliferadas de uma maneira bem mais rápida.

A vantagem em se utilizar esse tratamento é que além de ser um material leve, não é tóxico e é biodegradável. A quitosana vai bem além de ajudar a perder peso.

Recentes descobertas da ciência mostram que essa substância pode ser muito mais útil do que pensávamos.

Outra aplicabilidade da quitosana tem sido usada em clínicas médicas.

A quitosana é injetada através de uma seringa com o objetivo de estancar sangramentos.

Ela foi utilizada poucas vezes com esse propósito, mas já salvou algumas vidas.

Além disso, a quitosana ajuda a perder peso, diminui o LDL no organismo, aumenta o HDL e fornece alguns nutrientes essenciais para o bom funcionamento do metabolismo.

Efeitos colaterais da quitosana

Mesmo sendo um produto natural, ela não pode ser usada por qualquer um que queira perder peso, principalmente por alérgicos a essa substância.

Um dos efeitos que a quitosana pode causar é o bloqueio na absorção de alguns nutrientes e minerais essenciais para o funcionamento correto do nosso metabolismo.

Nem todas as gorduras fazem mal ao organismo.

As monoinsaturadas, por exemplo, são muito benéficas, mas também podem deixar de serem absorvidas por conta da quitosana.

Caso a quitosana seja usada para perder peso, mas consumida em excesso, pode acontecer também um desequilíbrio da flora intestinal, fazendo com que bactérias nocivas à nossa saúde comecem a se proliferar.

Contraindicações

Mesmo que seja utilizada com o propósito de fazer perder peso, a quitosana tem suas contra indicações como qualquer outro suplemento/remédio, com raras exceções.

Embora não seja novidade, gestantes e lactantes não devem fazer uso do suplemento, porque a quitosana pode carregar traços de substâncias que podem ser alérgicas para algumas pessoas.

Pessoas que apresentam algum tipo de reação alérgica a frutos do mar também devem evitar o consumo, mesmo que não reajam diretamente à quitosana. Ela pode conter traços de outras substâncias marinhas ou até mesmo alguns metais pesados algumas vezes.

Como a quitosana interfere no funcionamento de alguns fármacos, pessoas com doenças crônicas e que façam uso de algum remédio devem evitar o consumo do suplemento da mesma maneira.
Dose recomendada

A maioria dos suplementos é vendida é forma de cápsulas, facilitando bastante o consumo e a absorção das substâncias.

Existem outros modos como ela é comercializada, mas a princípio todas são funcionais da mesma maneira.

Se o objetivo é perder peso, a cápsula deve ser consumida entre 10 e 20 minutos antes de qualquer refeição.

O ideal é que você consuma no máximo 3 gramas de quitosana por dia, seja para perder peso ou diminuir o LDL.

Se você sentir qualquer sintoma diferente, como algum tipo de reação alérgica, suspenda o uso e procure um médico. Nem sempre as substâncias fazem bem para todos, só porque são naturais. Não se esqueça de ingerir água junto com a cápsula para a formação do gel!
Como tomar a Quitosana

Logo antes das grandes refeições você deve ingerir a cápsula para que ela possa agir retendo a gordura dos alimentos que você vai comer logo em seguida. Cerca de 3 gramas por dia já é o bastante para sentir os efeitos que a Quitosana pode proporcionar.

É possível eliminar até 24 gramas de gordura por dia o que é equivalente a 220 calorias ao dia. Por isso é importante que a ingestão da cápsula esteja aliada aos exercícios físicos e também a uma dieta com redução de calorias. Evite o consumo de carboidratos simples como doces, massas e bolos e gorduras ruins encontradas em alimentos fritos.